Tudo atrasado no Moringão


Vitor Ogawa - Grupo Folha
Vitor Ogawa - Grupo Folha

Imbróglio entre prefeitura e a construtora N. da Cruz Alves reflete no atraso das obras de reforma do ginásio de esportes Moringão. As obras de reparo da estrutura metálica e da cobertura do ginásio tiveram início no dia 24 de junho deste ano e tinham previsão de conclusão no dia 19 de fevereiro do ano que vem, mas elas se encontram bem atrasadas. Nesta fase do cronograma a previsão era de que 56% da obra já tivesse sido concluída, mas apenas 12,68% da obra foi executada pela empresa vencedora da licitação, a N. da Cruz Alves, de Jandaia do Sul. 


Tudo atrasado no Moringão
 


A reportagem entrou em contato com representante da empresa N. da Cruz Alves, que informou que existem muitos erros nos projetos tanto do ginásio do Moringão, como da Secretaria de Educação, no antigo Mercado Quebec. "Já são aproximadamente 15 erros de projeto e de planilha orçamentária. Como exemplos têm janelas do banheiro projetadas com 60 centímetros de altura do chão e pedidos para instalação de tomadas em vidro, além de falta de ferragem em pilares. E por aí vai", destaca. "A única obra que não tem erros é a da biblioteca, que será entregue dentro do prazo", afirma a pessoa representante da empresa. Segundo a empresa, existem documentos que supostamente comprovariam esses erros e que teriam sido os causadores do atraso nas obras.




O secretário municipal de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, afirma que esses erros nos projetos são os mesmos alegados nas reuniões, mas ele ressalta que os itens já foram corrigidos. "E a empresa continua executando muito lentamente", destaca. 


O pavimento irregular acumula água em vários pontos e se a impermeabilização não for realizada, as infiltrações podem comprometer vestiários e a parte administrativa. Há também a necessidade de reparos da estrutura metálica, que estava ameaçada por anos sem manutenção.  Também está prevista a instalação de placas solares. 


Moringão: Maior ginásio de esportes de Londrina, onde são realizados eventos esportivos e culturais




Vestiários: Local comum em praças esportivas destinado à troca de roupas de atletas e preleção de treinador

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo