NetdealEvents
PROJETO -

Escolas municipais celebram Clarice Lispector

Rede de leitura une alunos e educadores em torno da obra da autora que está entre as mais importantes do século XX

Walkiria Vieira - Grupo Folha
Walkiria Vieira - Grupo Folha

O nome Clarice significa "a que é brilhante", “luminosa” ou “ilustre”. Muito apropriado  à Clarice Lispector,  considerada uma das maiores escritoras do século XX no Brasil. Escritora e jornalista ucraniana naturalizada brasileira, seu estilo é marcado pela inovação e em 2020 celebra-se o seu centenário de nascimento. Seus textos colocam em foco o inconsciente, sendo que os sentimentos e sensações das personagens são muito importantes. Entre as análises, a obra de Lispector apresenta características intimistas, nas quais o indivíduo com seus questionamentos e sua intimidade, é a peça mais importante.


Clarice Lispector: autora que faria 100 anos em 2020 tem sua obra analisada de forma multidisciplinar nas escolas municipais
Clarice Lispector: autora que faria 100 anos em 2020 tem sua obra analisada de forma multidisciplinar nas escolas municipais | Banco de Imagens/ Cultura/ Folhapress
 


Foi a partir do valor de sua obra e refletindo sobre a importância da autora que as escolas municipais de Londrina realizam, durante todo o ano de 2020, uma rede de leitura sobre Clarice. De acordo com Aliny Perrota, do Apoio Pedagógico de Língua Portuguesa da Secretaria Municipal de Educação, Clarice Lispector é um ícone. "É uma autora que despontou na literatura brasileira. Pensando nos professores e na formação do leitor, isso é muito importante. O professor dá o que tem e se está abastecido, tem o que oferecer", expõe.




A atividade começou no dia 10 de março. Na prática, serão 10 encontros, todo dia 10, até 10 de dezembro, quando a autoria faria 100 anos. Durante 10 minutos, professores, funcionários e alunos celebram Clarice. "Todo dia 10 tem Clarice", reforça Perrota. Nessa toada, a roda de leitura já faz eco. "São 87 escolas, 40 mil alunos e 4 mil professores. Entre as ocupações dos educandos estão os livros "A mulher que matou os peixes", "A vida íntima de Laura" e "O mistério do coelho pensante" e até uma obra lançada postumamente "Quase de verdade." A biografia da escritora, "Clarice para meninos e meninas", de Nadia Fink com ilustrações de Pitu Saá, é também destaque em 2020 para os leitores. "A biografia aborda desde a sua infância chegando da Ucrânia, até os últimos dias dela", aguça a pedagoga Aliny Perrota. 

Escola Municipal Maria Carmelita Vilela Magalhães no primeiro dia de atividade
Escola Municipal Maria Carmelita Vilela Magalhães no primeiro dia de atividade | Divulgação
 

Alunos da Escola Municipal Moacyr Camargo e a professora Alessandra Batista
Alunos da Escola Municipal Moacyr Camargo e a professora Alessandra Batista | Divulgação
 

 

 Na programação, todos os professores farão a  leitura de um livro da autora por trimestre. No final de cada trimestre, terão um grande encontro para discussão da obra lida. "Sabemos que o professor tem papel fundamental na formação do leitor. Ele é intermediário entre o livro e o aluno, seu leitor final. Os livros que ele lê ou leu são os que terminam invariavelmente nas mãos do aluno. Professor que gosta de ler, contagia seus alunos. Diante desse cenário, a Rede Municipal de Ensino, desenvolverá em 2020, ações voltadas para a formação leitora de professores, alunos e toda comunidade escolar", detalha. De modo incentivador, as ações tem como objetivo contribuir com o fomento à leitura, oportunizar ampliação de repertório, promover momentos de leitura e reflexão tanto para os alunos, professores como também para os funcionários da escola.  

Professor de Educação Física Marco Antonio Cabral Ferreira na roda com alunos da Escola Municipal Odésio Franciscon
Professor de Educação Física Marco Antonio Cabral Ferreira na roda com alunos da Escola Municipal Odésio Franciscon | Divulgação
 


Alunos da Escola Suely Ideriha no momento da leitura com a professora Cleide Cyoia
Alunos da Escola Suely Ideriha no momento da leitura com a professora Cleide Cyoia | Divulgação
 





Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Tudo sobre:


Continue lendo


Últimas notícias