‘West Side Story’ em nova versão Música de Leonard Bernstein composta para o clássico de Robert Wise e Jerome Robbins é revista por Dave Grusin e Dave Weckl Reprodução No mesmo ano de 1997, em que lançou o tributo a Thelonius Monk, a gravadora N2K fez uma homenagem a Leonard Bernstein, trazendo novas versões das músicas de ‘‘West Side Story’’, filme produzido em 1961 com direção de Robert Wise e Jerome Robbins, que abocanhou dez Oscars. As músicas de Bernstein traziam letras de Steve Sondheim. A versão da N2K, lançada agora no Brasil pela Abril Music, traz participações do trompetista Arturo Sandoval, de Dave Weckl na bateria e Dave Grusin no piano. ‘‘Prologue’’ faz a apresentação do argumento, relatando o comportamento dos latinos, representados pela gangue Sharks, que disputam espaço com os Jets, anglo-americanos. Todos moram na periferia de New York e os atritos entre as duas facções são constantes. Ainda em clima de alegria vem ‘‘Something’s Coming’’, faixa que prepara o terreno dos conflitos, animada com toques de suspense. Os Jets são apresentados com ‘‘The Jet Song’’, festiva e dançante. Mas aí acontece o início dos infortúnios. ‘‘Maria’’, cantada por Jonathan Butler, apresenta a protagonista com romantismo. Com sotaque de blues, ‘‘Cool’’ faz o interlúdio com os acontecimentos que se desenrolam à noite, com ‘‘Tonight’’, na voz de Gloria Stefan. A ação se desenrola: Maria e Tony se apaixonam – ‘‘I Feel Pretty’’ e ‘‘One Hand, One Heart’’. Tony é líder dos Jets, e Maria é irmã de Bernardo, líder dos Sharks. ‘Somewhere’’ representa a busca do casal pela paz, cantada por Jon Secada. O roteiro termina em luta e morte. A última faixa é ‘‘America’’. A parte instrumental é rica e diversificada, hora apresentando características latinas, hora tendendo à canção norte-americana. Essa variação rende boa consistência, e os arranjos não decepcionam. Mas se Dave Weckl e Arturo Sandoval comandam a qualidade instrumental, a parte vocal ficou com nomes do universo pop, como Gloria Stefan e Jon Secada, que forçam um pouco no açúcar. No filme, os protagonistas Richard Beymer e Natalie Wood eram dublados por Marni Nixon e Jimmy Briant. R.P..