SAG Awards muda data de sua cerimônia para não coincidir com o Grammy


BELO HORIZONTE, MG (FOLHAPRESS) - O SAG Awards, premiação do Sindicato dos Atores dos Estados Unidos que é considerada um dos principais termômetros para o Oscar, foi remarcado para 4 de abril deste ano.

Originalmente agendado para 14 de março, o evento precisou mudar de data para não coincidir com o Grammy, que, na semana passada, anunciou o adiamento de sua cerimônia para o mesmo dia, devido a um surto de coronavírus em Los Angeles.

"Durante esses tempos desafiadores, nossa indústria e nossos membros sindicais provaram sua criatividade e resiliência na descoberta de novos métodos de contar histórias, enquanto se adaptam a novos protocolos e procedimentos de segurança", diz um comunicado publicado no site do SAG Awards, nesta quarta-feira (13).

Recentemente, outra importante premiação do cinema, o Festival Cannes, disse estar avaliando novas datas por causa da pandemia. Até o momento, o evento continua programado para acontecer entre os dias 11 e 22 de maio, mas é provável que seja remarcado para o fim de junho ou julho.

Na edição de 2020 do SAG Awards, o filme sul-coreano "Parasita", que depois ganharia o Oscar de melhor filme, levou o troféu de melhor elenco --o mais importante do evento. Outros vencedores da noite, como Joaquin Phoenix ("Coringa"), Renée Zellweger ("Judy"), Laura Dern ("História de um Casamento") e Brad Pitt ("Era Uma Vez em... Hollywood"), também sairiam vencedores no Oscar daquele ano.

As nomeações para a edição de 2021 do SAG Awards serão divulgadas no dia 4 de fevereiro.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Assine e navegue sem anúncios [+]

Continue lendo