|
  • Bitcoin 109.532
  • Dólar 5,2324
  • Euro 5,5367
Londrina

Folha 2

Atualizado em 22/09/2014, 16:47

LEITURINHA - Futebol de arrepiar

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Marcos Losnak<br>Especial para a Folha2
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Imagine um jogo de futebol da seleção brasileira. Um amistoso no estádio Maracanã lotado pela torcida. A seleção brasileira jogando contra um combinado mundial, os melhores craques do mundo.
Imagine um jogo desses não com jogadores de carne e osso. Imagine a seleção brasileira de monstros do futebol contra o combinado mundial de craques sobrenaturais. Um jogo de dar medo. Horror para todo lado.
Esse horroroso jogo está em "Folclore de Chuteiras", livro infantil do escritor Alexandre de Castro Gomes lançado pela editora Peirópolis com ilustrações de Visca. A obra traz a partida de futebol na forma de uma típica narração radiofônica.
Defendendo a seleção brasileira estão Mapinguari no gol, Mula Sem Cabeça na lateral direita e Curupira na lateral esquerda. Cabra-Cabriola e Capelobo na zaga. No meio-campo, Boitatá, Saci-Pererê, Negrinho do Pastoreio e Lobisomem (naturalizado brasileiro). No ataque, Cabeça de Cuia e Romãozinho. No banco de reservas, Papa-Figo, Corpo-Seco, Arranca-Língua e Palhaço do Coqueiro.
Entre os jogadores sobrenaturais do resto do mundo estão Múmia, Gárgula, Frankenstein, Vampiro, Pé Grande, Duende, Ciclope, Zumbi, Abominável Homem das Neves, Minotauro, Ogro e Chupacabras. Como juiz da partida, o lendário E.T. de Varginha.
O mínimo que se pode esperar de um jogo como esse é um caixão de surpresas. De maneira bem humorada, Alexandre de Castro Gomes coloca personagens do folclore brasileiro dando um baile nas figuras horripilantes de outras culturas.

Serviço:
"Folclore de Chuteiras"
Autor – Alexandre de Castro Gomes
Ilustrações – Visca
Páginas – 70
Quanto – R$ 39