Representantes de diversos setores ligados à cultura local estiveram reunidos com o prefeito Alexandre Kireeff (PSD) na manhã desta segunda-feira (21) em Londrina.

Eles reclamam do baixo valor destinado ao Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), que atualmente responde por apenas 0,2% do orçamento municipal. O grupo cobra também maior atenção financeira à Secretaria de Cultura, que sofre com déficit de servidores, com quadro reduzido em mais de 30% em uma década.

Em conversa com o grupo, Kireeff prometeu estudar a possibilidade de injetar na pasta os R$ 800 mil contingenciados logo no início da gestão. Segundo Kireeff, o valor seria parcelado nos próximos dois anos.

Além disso, o prefeito garantiu que a promessa feita em 2013, de aumentar para 1% do orçamento os repasses para o Promic.

Imagem ilustrativa da imagem Kireeff promete restituir valor contingenciado da Cultura
Leia mais na edição desta terça-feira da Folha de Londrina.