CÊNICAS -

Celebrações da Páscoa são suspensas

Eventos cristãos, como encenações da Paixão de Cristo em Londrina e região, foram cancelados por causa da pandemia

Walkiria Vieira - Grupo Folha
Walkiria Vieira - Grupo Folha

As tradicionais celebrações da Paixão de Cristo, referência para todos os cristãos na Sexta-Feira Santa, não serão realizadas como de costume. Em Londrina, as três mais conhecidas foram canceladas ou suspensas em razão das medidas para contenção da pandemia do coronavírus, que preconizam isolamento social. A da zona Sul, do Conjunto Lindoia,  e da Vila Portuguesa não serão presenciais, mas poderão ser lembrados e vivenciados nas redes sociais. A ferramenta chega como alento para os que perseveram. 


Com grande concentração de pessoas, as celebrações ficam dessa vez restritas às redes, onde a fé pode ser compartilhada  e dar mais ânimo ao coração de cada um. De acordo com o coordenador da encenação da Paixão de Cristo da Paróquia Cristo Bom Pastor, Leandro Wilson Boratin, em 2019 o público foi de 7 mil pessoas, conforme informações da Polícia Militar. A paróquia fica localizada no conjunto Lindoia. "É triste. Seria a 21ª edição e todos os organizadores entenderam que é a decisão mais prudente nesse momento, pois evitamos aglomerações", esclareceu. 




Boratin reforça que a proposta do evento é levar a palavra, evangelizar e nesse ano será em um outro formato, mas não com menos crença. Além do público citado, Boratin explica que entre artistas, costureiras e equipe de montagem, a celebração reúne em torno de 200 profissionais. Durante toda a semana santa, os fieis foram convidados a participar ativamente nos meios digitais, transformando esse modo de prática em uma verdadeira igreja doméstica viva. O pároco Pe Celso Pedro Copetti, reforça o sentimento para toda a comunidade durante as missas online veiculadas pelo facebook. As missas são em casa e a união de todos fará a diferença, creem. 


O grupo Teatro da Paz, que tradicionalmente encena 'A Paixão de Cristo' em Londrina, cancelou as apresentações que aconteceriam na Vila Portuguesa e na Expô Londrina
O grupo Teatro da Paz, que tradicionalmente encena 'A Paixão de Cristo' em Londrina, cancelou as apresentações que aconteceriam na Vila Portuguesa e na Expô Londrina | Teatro da Paz/ Divulgação
 


Ativo desde 1978,  o Grupo de Teatro da Paz, responsável pelas apresentações do Auto da Paixão de Cristo também formalizou a decisão. "Devido ao momento que todos estamos vivenciando, a direção do Grupo de Teatro da Paz tomou a decisão de suspender as apresentações do Auto da Paixão de Cristo, que seriam realizadas no próximo dia 10 de abril no CSU - Vila Portuguesa, bem como na Expô Londrina." A publicação é de 16 de março, consta na página do facebook Paixão de Cristo de Londrina,  e não há mais novidades. Pelo perfil do grupo, é possível rever momentos de anos anteriores por meio de fotografias e videos. 


Em Arapongas, apresentação foi cancelada

 A tradicional encenação da Paixão de Cristo, realizada pelo grupo araponguense Mãe do Céu que aconteceria no dia 5,  também de abril foi cancelada. Pelo facebook do grupo, mais de 15 mil pessoas lamentaram a decisão, mas entendem a necessidade.

Na noite da última segunda-feira (06), um decreto foi publicado pelo Bispo da Diocese de Apucarana Dom Carlos José de Oliveira, com determinações de restrições para impedir o avanço do coronavírus na região. Na página do grupo, o aviso é de que a encenação será em 2021 no Parque das Nações e que também será possível rever momentos marcantes. 





Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Continue lendo


Últimas notícias