|
  • Bitcoin 123.932
  • Dólar 5,1592
  • Euro 5,3222
Londrina

Folha 2

m de leitura Atualizado em 04/01/2022, 18:25

Bolsa Cultural vai distribuir R$ 16 milhões a artistas paranaenses

Inscrições para o Programa Bolsa Cultural Paraná Criativo podem ser feitas até o dia 16 de janeiro

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 04 de janeiro de 2022

Marcos Roman - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Já estão abertas as inscrições para o Programa Bolsa Cultural Paraná Criativo/Lei Aldir Blanc – Qualificação de Empreendimentos Criativos do Setor Cultural do Paraná, que tem objetivo de dar apoio a empreendimentos culturais e qualificar os integrantes de iniciativas criativas do Estado do Paraná. As inscrições podem ser feitas pelo site www.fauel.org.br e serão encerradas no dia 16 de janeiro às 23h59.

Ballet Guaíra: Bolsa Cultural Paraná Criativo/ Lei Aldir Blanc é destinada a artistas e grupos de todo o estado Ballet Guaíra: Bolsa Cultural Paraná Criativo/ Lei Aldir Blanc é destinada a artistas e grupos de todo o estado
Ballet Guaíra: Bolsa Cultural Paraná Criativo/ Lei Aldir Blanc é destinada a artistas e grupos de todo o estado |  Foto: Maringas Maciel/ SEEC/ Divulgação
 

Os recursos do edital totalizam cerca de R$16 milhões de reais provenientes do Fundo Estadual de Cultura (FEC), oriundos da Lei Federal 14.017/2020 (Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc), repassados à FAUEL por meio de Termo de Cooperação Técnica e Financeira firmado entre a UEL, FAUEL e SECC.

Os valores das bolsas variam de R$7.500,00 a R$28.500,00, de acordo com tipo de empreendimento inscrito. Para as inscrições, é necessário preencher todo o formulário, enviar toda a documentação e gravar um vídeo-depoimento entre 5 e 10 minutos, e deve estar hospedado no YouTube.

Quem pode se inscrever

O Programa Bolsa Cultural Paraná vai oferecer 950 bolsas para: Microempreendedor Individual (MEI) e Empreendedor Individual (El); como Microempresa Ltda. (ME); Empresa de Pequeno Porte (EPP); Entidades culturais privadas sem fins lucrativos; Cooperativas Culturais; realizadores de Festivais e Mostras do setor cultural, enquadrados como Microempresa Ltda. (ME); Empresa de Pequeno Porte (EPP); Entidades Culturais privadas sem fins lucrativos; Cooperativas Culturais; Organizações/Coletivos Culturais informais. 

Os projetos culturais contemplados garantem vaga no curso on-line "Cadeia produtiva da Cultura: Economia Criativa e Solidária", que tem a finalidade de qualificar a atuação dos agentes e produtores culturais no estado. Serão 160 horas, realizadas entre os meses de março e maio em formato remoto, com temas que abordarão Políticas Culturais, Economia Criativa, Produção e Gestão Cultural, entre outros.

...

Receba nossas notícias direto no seu celular! Envie também suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link wa.me/message/6WMTNSJARGMLL1.