|
  • Bitcoin 142.067
  • Dólar 4,8773
  • Euro 5,1471
Londrina

BOCA A BOCA

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 19 de julho de 2004


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Olhares da ilha


A artista plástica curitibana Estela Sandrini abriu, no último sábado, a exposição de fotos do projeto ''Revelando Olhares dos Moradores da Ilha do Mel'', no Trapiche da Brasília, na Ilha do Mel. Em parceria com o arquiteto Juliano Sandrini, com a fotógrafa Fernanda Castro e com a psicopedagoga Francine Rocha, o projeto visa, através de fotografias tiradas por jovens moradores da ilha, de 11 a 17 anos, mostrar como a comunidade enxerga a natureza do local. A exposição, que conta com o apoio da Lei Roaunet, do programa Conta Cultura, da Compagas e da Jatobá Agricultura, vai estar também no Memorial de Curitiba, no Largo da Ordem, a partir do dia 1º de agosto.



Artistas premiados


A Coordenação do Sistema Estadual de Museus da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná divulgou na semana passada os artistas selecionados e premiados do 14º Salão de Artes Visuais do Iguaçu/2004, que terá abertura em 19 de agosto, na Fundação Cultural de Foz do Iguaçu. Dos 41 artistas pré-selecionados, foram aceitos 38 com 81 obras. Os premiados são Antônio Carlos Machado (Cascavel), com o Prêmio Aquisição Governo do Estado do Paraná; Claudia de Lara (Curitiba), com o Prêmio Aquisição da Secretaria de Estado da Cultura; Wilhelma Marceri Motter (Curitiba), com o Prêmio Aquisição Coordenação do Sistema Estadual de Museus; Marcos Coga da Silva (Curitiba), com o Prêmio Aquisição Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu; e Margareth Inês Canale Miola (Foz do Iguaçu), com o Prêmio Aquisição Fundação Cultural de Foz do Iguaçu. O júri concedeu Menção Honrosa a Bernardo Staviski (Curitiba) e Vera Lúccia Simon (Cascavel).




Para ver com as mãos


A exposição ''Desvãos da Tessitura'', da artista plástica Ana Procopiak, foi prorrogada por mais uma semana. Em cartaz no Museu Alfredo Andersen, em Curitiba, a mostra poderá ser visitada até o dia 25. São peças feitas com fotografias e pinturas fotografadas em diversas dimensões, que podem ser manipuladas pelo espectador. A exposição é consequência da dissertação de mestrado de Ana Procopiak, quando ela pesquisou as artistas plásticas Frida Khalo (México), Cindy Sherman (Estados Unidos) e Orlan (França), que trabalharam auto-retratos de forma intensa. A mostra está aberta ao público de segunda a sexta-feira, das 9 às 18h30, e aos sábados e domingos, das 10 às 16 horas. O Museu Alfredo Andersen fica na Rua Mateus Leme, 336.




Festival para compositores



Compositores interessados em apresentar suas músicas no 29º Festival de Inverno - Etapa Composição Nacional (Festin), promovido pela Secretaria de Cultura de Toledo, devem se apressar: o prazo para as inscrições se encerra hoje. O Festin será realizado de 26 a 28 de agosto no Teatro Municipal da cidade. Podem participar compositores com mais de 15 anos, residentes no país, com músicas inéditas de MPB. As inscrições podem ser feitas diretamente na Secretaria da Cultura de Toledo ou pelo correio, através de envio de correspondência para o seguinte endereço: Casa de Cultura - Rua XV de Novembro, 1.638 - Praça da Cultura - CEP 85.902-040 - Toledo, Paraná. Informações podem ser obtidas pelos telefones (45) 252-6445 ou fone/fax (45) 252-2135, pelo e-mail [email protected] ou ainda pelos sites www.toledo.pr.gov.br/Cultura/Festin e www.festivaisdobrasil.com.br.



Show de humor

O humorista Diogo Portugal fará hoje um show para os funcionários da Unibanco Seguros. A apresentação acontece no Hotel Rayon, em Curitiba, pouco antes do do espetáculo ''Cabaret Era Só o Que Faltava'', que Diogo comanda todas as terças-feiras no Era Só o Que Faltava, a partir das 22 horas. No evento para a seguradora, a platéia poderá ver de perto os mais famosos personagens do comediante - entre eles Elvisley, mais conhecido como o boy da Transamérica.



Acordeon no Catuaí


Seis mulheres formam o Grupo de Acordeon Evelina Grandis que se apresenta no programa musical desta Terça Cultural Catuaí. Maria Aparecida Frigeri, Lucinda, Marlene Lopes, Marli Pangelupi, Maudi Fernandes e Sônia Grandis interpretam músicas brasileiras em versão instrumental, com o som inconfundível do acordeon. O espetáculo, gratuito para os frequentadores do shopping, tem duração de uma hora e começa às 19h30, no lounge do Catuaí Casa, área próxima às salas de cinema do shopping.