|
  • Bitcoin 145.332
  • Dólar 4,8801
  • Euro 5,1549
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 03/05/2022, 15:33

Vítor Pereira e Paulinho desfalcam o Corinthians na viagem à Colômbia

PUBLICAÇÃO
terça-feira, 03 de maio de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O técnico Vítor Pereira e o volante Paulinho são desfalques do Corinthians para a partida desta quarta-feira (4), contra o Deportivo Cali, pela Copa Libertadores, na Colômbia, às 21h. Em caso de vitória, o clube alvinegro dispara na liderança do Grupo E e praticamente garante a classificação para a fase mata-mata com duas rodadas de antecedência.

Recuperado da Covid-19, o técnico português cumpre o protocolo da Conmebol e permanece no Brasil. Segundo o documento assinado por todos os clubes participantes do torneio continental, os membros das delegações que testarem positivo para o vírus apenas poderão retornar aos trabalhos após o 11º dia da infecção —período ainda não completado pelo comandante do time alvinegro.

Sem o treinador, o Corinthians deve ser dirigido pelo auxiliar Filipe Almeida, assim como aconteceu na semana passada, contra o Boca Juniors, na Neo Química Arena. A delegação alvinegra embarcou nesta segunda-feira (2) para o país vizinho e treina nesta terça-feira (3) em Cali em preparação para o duelo válido pela quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

Além de Vítor Pereira, a equipe do Parque São Jorge não conta com o volante Paulinho. O jogador sofreu uma rompimento no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo na partida de domingo (1º), e deve ficar, pelo menos, seis meses afastado.

DESCANSO FRUSTRADO

O técnico Vítor Pereira tinha um plano para o Corinthians no domingo, mas não contava com uma atuação muito ruim no primeiro tempo da partida contra o Fortaleza. Mesmo jogando dentro da Neo Química Arena, a equipe cedeu 11 finalizações nos primeiros 45 minutos e não foi para o intervalo atrás do placar porque Cássio fez boas defesas.

A atuação ruim mudou o que Pereira pensava para o jogo. A ideia dele era conseguir dar tempo de descanso para Maycon e Willian, que já haviam sido titulares contra o Boca Juniors e provavelmente também serão contra o Deportivo Cali, na quarta-feira. A dificuldade da partida contra o Fortaleza, mesmo com 1 a 0 no placar, fez com que o atacante saísse aos 41 minutos do segundo tempo e o meia atuasse o duelo todo.

"Gostaria ter tido a oportunidade de poupar o Willian, o Maycon, mas não foi possível", disse, em entrevista coletiva depois da partida.

Além de Maycon e Willian, outra preocupação de Vítor Pereira passou a ser Paulinho. O volante saiu ainda no primeiro tempo depois de sofrer um choque de Felipe no joelho. O time alvinegro confirmou na segunda-feira que o atleta sofreu uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelhoo esquerdo, e deve ficar pelo menos seis meses afastado.

O desgaste físico dos jogadores corintianos em um calendário tão apertado tem sido uma preocupação para Vítor Pereira. O treinador disse ser impossível definir uma equipe titular e reiterou a necessidade de gerir o tempo que os jogadores com mais de 30 anos ficam em campo. "Eu estou aqui para arranjar soluções e arranjar soluções não é fazer o time titular, porque o time titular provavelmente não é um time equilibrado. Se formos olhar para a qualidade técnica, provavelmente não é um time equilibrado. Nós temos que equilibrar o time, equilibrar a equipe, ela tem que estar equilibrada dentro de campo", afirmou o técnico.

O Corinthians agora se prepara para o confronto contra o Deportivo Cali, na quarta-feira. Quatro dias depois, visitará o Red Bull Bragantino, pelo Campeonato Brasileiro.

Apesar das baixas importantes, o Corinthians deve ter força máxima diante do time colombiano. Uma provável escalação tem Cássio; Fagner, João Victor (Gil), Raul Gustavo e Fábio Santos; Du Queiroz, Maycon e Renato Augusto; Adson (Róger Guedes), Willian e Jô.

O Deportivo Cali, por sua vez, chega a partida na segunda posição do Grupo E, com quatro pontos -mesma pontuação do Always Ready, da Bollívia, que perde no saldo de gols-, e busca a vitória para manter a esperança de chegar ao mata-mata. Uma provável escalação inicial do técnico Rafael Dudamel tem: De Amores; Aldair Gutierrez, Burdisso, Caldera e Mafia; Robles, Vasquez, Camargo, Caicedo (Congo) e Bonilla (Velasco); Angelo Rodríguez.

Estádio: Palmaseca, em Palmira (Colômbia)

Horário: Às 21h (de Brasília) desta quarta-feira (4)

Árbitro: Andres Cunha (Uruguai)

Transmissão: Conmebol TV