|
  • Bitcoin 107.368
  • Dólar 5,2681
  • Euro 5,5433
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 25/05/2022, 16:43

Vasco defende invencibilidade e vaga no G4 da Série B

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 25 de maio de 2022

BRUNO BRAZ
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - O Vasco empatou na última quinta-feira (19) por 0 a 0 com o Guarani, em Manaus, e chegou ao seu oitavo jogo invicto em oito partidas da Série B. Na quarta colocação e buscando manter-se no G4 da competição, o time vive dois lados da moeda na competição: se ao mesmo tempo se mostra uma equipe "intransponível" defensivamente, na parte ofensiva tem deixado a desejar.

Nesta quinta-feira (26), a equipe volta a campo para enfrentar o Brusque, em São Januário (RJ), a partir das 19h.

O time de Zé Ricardo é a segunda defesa menos vazada da competição, com apenas três gols sofridos, e já não vê sua rede balançar há três rodadas.

Um dos principais personagens que tem contribuído para isso é o goleiro Thiago Rodrigues, que já caiu nas graças da torcida. Além dele, há méritos também para a dupla de zaga formada por Anderson Conceição e Juan Quintero, com o auxílio, principalmente, dos laterais Gabriel Dias -que cumpre suspensão e não joga nesta quinta-feira- e Edimar, e do volante Yuri Lara, que cumpriu suspensão na partida contra o Guarani.

Em compensação, no sistema ofensivo, foram apenas seis gols, e os números evidenciam o problema: a equipe é apenas a 14ª em finalizações na competição, segundo Footsats. O atacante Raniel, artilheiro do time, já não marca há quatro jogos.

E se não perdeu, também já empatou demais. Foram cinco no total até o momento, ficando atrás apenas do Tombense, que é o lanterna, com seis. Zé Ricardo lamentou, após a partida da quinta-feira, a nova igualdade no placar:

"Esperamos continuar em crescimento porque a competição se mostra bastante equilibrada, ao menos nesse início. E foi importante termos visto outros jogadores que não vem entrando tanto, fazendo uma boa parte, mas saímos frustrados por não conseguir os três pontos".

Para a partida desta quinta-feira, além de Yuri Lara, o Vasco terá o retorno de Nenê, que também cumpriu suspensão contra o Guarani. O atacante Figueiredo, em recuperação física até então, tem participado de atividades com o time e deve atuar nesta quinta-feira. Em contrapartida, além de Gabriel Dias, o time carioca também deve ser desfalcado por Juninho, que foi substituído na última rodada após sentir dores na coxa. Com isso, uma provável escalação do time cruzmaltino tem: Thiago Rodrigues; Weverton (Léo Matos), Quintero, Anderson Conceição, Edimar; Andrey Santos, Yuri Lara; Figueiredo (Erick ou Palacios), Nenê, Gabriel Pec; Raniel.

O Brusque, por sua vez, entra em campo buscando sua primeira vitória fora de casa nesta temporada da Série B. O time soma nove pontos, e ocupa o nono lugar na tabela. Uma provável escalação inicial do técnico Luan Carlos tem: Jordan; Pará, Bruno Aguiar (Jeferson Bahia), Wallace e Airton; Rodolfo Potiguar, Zé Mateus e Diego Jardel; Júnior Todinho (Jaílson), Alex Ruan e Alex Sandro.

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Horário: Às 19h (de Brasília) desta quinta-feira (26)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Transmissão: Premiere