|
  • Bitcoin 149.391
  • Dólar 4,9096
  • Euro 5,1947
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 13/03/2022, 21:22

Tom Brady volta atrás em aposentadoria e jogará mais um ano na NFL

PUBLICAÇÃO
domingo, 13 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Atleta mais vencedor da história do futebol americano, Tom Brady anunciou que vai voltar aos campos menos de dois meses após ter confirmado sua aposentadoria, em fevereiro.

O veterano quarterback publicou mensagem junto a uma foto de partida do Tampa Bay Buccanners, última equipe que defendeu, e da família usando camisas do time.

"Nos últimos dois meses eu percebi que meu lugar ainda é no campo e não na arquibancada. A hora [de parar] vai chegar, mas não é agora", escreveu. "Estou voltando para minha 23ª temporada em Tampa. Temos negócios a terminar."

Brady tem 44 anos e sete títulos da NFL (liga de futebol americano) --mais que qualquer equipe. Seis foram conquistados com o New England Patriots e um com os Buccaneers.

No início de fevereiro, ele havia confirmado sua aposentadoria. "É difícil escrever, mas aqui vai: não vou mais assumir esse compromisso competitivo. Amei minha carreira na NFL, e agora é hora de concentrar meu tempo e energia em outras coisas que exigem minha atenção", escreveu, também nas redes sociais.

"Se não houver um compromisso 100% competitivo, você não terá sucesso, e o sucesso é o que eu amo tanto em nosso jogo", disse. "Existe um desafio físico, mental e emocional todos os dias que me permitiu maximizar meu potencial. E eu tentei o meu melhor nos últimos 22 anos. Não há atalhos para o sucesso em campo ou na vida."

Escolha de número 199 na sexta rodada do draft (processo de recrutamento de calouros) de 2000 pelo New England Patriots, Brady contrariou as perspectivas e terminou por levar a equipe a uma dinastia sob o comando do técnico Bill Belichick. Sua jornada no time de Massachusetts terminou em março de 2020, após uma divergência sobre o tempo de um novo contrato.

O astro então se mudou pela primeira vez na carreira e foi para a Flórida defender o Tampa Bay Buccaneers. Havia dúvidas sobre seu futuro e capacidade de vencer num novo ambiente, mas ele conseguiu isso logo na temporada de estreia.

Em fevereiro de 2021, o time se tornou o primeiro a ganhar o Super Bowl no próprio estádio (o local do jogo é pré-determinado com anos de antecedência), diante do Kansas City Chiefs de Patrick Mahomes, por 31 a 9.