São Paulo, 2 (AE) - A Diretoria do Palmeiras tem menos de dez dias para satisfazer o treinador Luiz Felipe Scolari. O técnico exigiu 24 jogadores para trabalhar durante a temporada de 2000. Porém, após o desmanche, o clube tem somente 18 atletas no elenco, incluindo os juniores promovidos.
Os 18 confirmados: Marcos, Gilvan, Arce, Taddei, Roque Júnior, Agnaldo, Índio, Júnior, Tiago, Galeano, César Sampaio, Rogério, Paulo Assunção, Alex, Jackson, Asprilla, Euller e Juliano.
Para agradar Scolari, a patrocinadora Parmalat e a Diretoria precisam contratar mais seis jogadores.
Na lista estão o zagueiro Caçapa (Atlético-MG), o meia Beto (Flamengo) e o atacante Marcelo Ramos (Cruzeiro).
O goleiro Sérgio ainda pode acertar sua permanência e o lateral-direito Neném, que esteve emprestado ao Goiás, retorna. Mas Scolari ainda não confirmou se pretende ficar com o jogador.