São Paulo, 03 (AE) - O São Paulo fechou contrato de patrocínio de dois anos com a Motorola, grupo norte-americano de telecomunicações. A empresa vai investir R$ 8 milhões por ano no clube, quantia semelhante à da Cirio, a antiga patrocinadora, que pagava US$ 4 milhões por temporada. O contrato entre o São Paulo e a Cirio teve início em julho de 1997 e teria duração até o fim deste ano, mas diretores italianos decidiram romper o acordo no dia 31, pois desejavam redirecionar os investimentos de marketing da empresa no Brasil. O anúncio oficial da parceria com a Motorola será feito pelos dirigentes do clube no dia 17.
A intenção do São Paulo é estrear a nova camisa da equipe no Torneio Constantino Cury, de 16 a 19, no Morumbi. A competição, que deveria ser um triangular, ganhou um novo representante: o Avaí, de Santa Catarina.
Já estavam confirmados, além do São Paulo, o Uralan Elista, da Rússia, e a seleção do Haiti, que chegará ao Brasil no dia 11.
Os haitianos vão treinar no CT do clube em Cotia e querem aproveitar a passagem pelo País para definir a contratação de um treinador brasileiro, para comandar a equipe nas eliminatórias para a Copa de 2002. O elenco do São Paulo permanece em férias. A reapresentação será no dia 10. Quatro dias antes está prevista a volta dos atletas das categorias de base, que serão acompanhados de perto pelo técnico do time profissional, Levir Culpi.
Como o clube tem pouco dinheiro para trazer reforços de peso, o treinador quer apostar na revelação de novos talentos. A promessa do presidente do São Paulo, José Augusto Bastos Neto, de contratar um craque por US$ 10 milhões, não iludiu Levir, ciente das limitações financeiras do clube. Dirigentes, porém, poderão anunciar até o fim da semana dois novos reforços para as laterais, uma vez que Anderson foi devolvido ao Santos e Fábio Aurélio está em Londrina, com a seleção sub-23.
Não foram divulgados nomes para não atrapalhar as negociações. Márcio Santos ainda não definiu o futuro. Apesar do interesse do Santos pelo passe, o zagueiro poderá transferir-se para o Fluminense. O jogador está na lista do técnico Carlos Alberto Parreira para reforçar o clube carioca.