São Paulo, 11 (AE) - O meia Ricardinho vai atuar na partida de sexta-feira, na final do I Mundial de Clubes da Fifa, no Maracanã, segundo previsão feita hoje pela manhã pelo médico do clube, Joaquim Grava. O jogador deixou o campo contundido aos 30 minutos do primeiro tempo da partida de ontem à noite, no Morumbi, contra o Al Nassr, da Arábia Saudita, se transformando numa das maiores preocupações para o técnico Oswaldo de Oliveira.
Hoje à noite, Ricardinho deverá se submeter a uma série de exames, mas deve estar recuperado até sexta-feira. "Não vejo nada de grave com ele. O jogador deverá estar em campo sem problemas", disse o médico. Ricardinho - cujo filho nasceu hoje em Curitiba - sentiu uma contusão muscular logo depois de marcar o primeiro gol do Corinthians na vitória por 2 a 0 sobre a equipe árabe.
O zagueiro João Carlos, que também deixou o gramado contundido, reclamando de dores musculares, tem situação mais complicada. "O problema dele é mais grave", disse Grava. "Dificilmente vai reunir condições de jogar na sexta", adiantou. Adilson deverá ser mantido na equipe, formando a dupla de zaga com Fabio Luciano.