Agência Estado
De São Paulo
O Real Madrid sofreu, mas conseguiu vencer o Raja Casablanca por 3 a 2, na primeira partida da rodada dupla de ontem à noite no Morumbi, pelo 1º Mundial de Clubes organizado pela Fifa. Mas o time espanhol, que terminou a partida sem três jogadores – Roberto Carlos, Guti e Karembeu foram expulsos – não obteve a goleada que imaginava alcançar. Em boa parte da partida, o Real Madrid foi envolvido pelo time do Marrocos, que terminou o jogo com 10 atletas: El Moubarki foi expulso.
Para se classificar à final da competição contra o campeão do Grupo B, onde o Vasco é favorito (leia texto nesta página), o time espanhol dependeria de um empate ou derrota do Corinthians para o Al-Nasser, Arábia Saudita, no jogo de fundo do Morumbi.
O Marrocos, que contou com a apoio da torcida do Corinthians, assustou o adversário logo aos 4 minutos: Talal acertou o travessão, após cobrança de falta. Depois, aos 6, o goleiro Chadili evitou o gol do time espanhol ao defender com o pé um chute de Raul. Mas aos 27, o Raja fez 1 a 0 com Achami, que completou de cabeça uma cobrança de escanteio.
A equipe espanhola entrou em pânico e só virou o resultado no segundo tempo. Aos 4, Hierro, cobrando falta, empatou a partida. Logo em seguida, aos 8, Morientes, que havia entrado no lugar de Anelka, que se machucou ainda no primeiro tempo, desempatou para o time espanhol.
O time do Marrocos não se intimidou com a reação do adversário, e empatou a partida com Moustaoudia, que cabeceou para o gol e venceu o goleiro Casillas, aos 13 minutos.
O time do Real Madri novamente entrou em desespero. Aos 16 minutos, após uma confusão, Roberto Carlos, Guti e El Moubarki foram expulsos. Depois, aos 40, Karembeu também levou o cartão vermelho. O gol da vitória do Real Madrid só foi marcado aos 43 minnutos por Geremi. Após jogada individual, ele completou para o gol. O juiz argentino deu ainda cinco minutos de acréscimo, mas o time espanhol não teve forças para aumentar a vantagem.
Além de ter três jogadores expulsos, o Real Madrid ficou ontem sem o atacante francês Nicolás Anelka. Ele machucou o menisco direito quando tentou pegar um lançamento realizado aos 37 minutos de jogo e foi imediatamente substituído por Fernando Morientes.