|
  • Bitcoin 118.076
  • Dólar 5,2225
  • Euro 5,3507
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 15/07/2022, 15:18

PSG cria pouco, mas vence amistoso com facilidade mesmo sem Neymar e Mbappé

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 15 de julho de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Paris Saint-Germain venceu o Quevilly-Rouen por 2 a 0 no primeiro amistoso da pré-temporada 22/23, nesta sexta-feira (15). Sem Neymar e Mbappé em campo, mas com Messi em ação, a equipe triunfou com gols de Sergio Ramos e Gassama.

O duelo marcou a estreia de Christophe Galtier no comando do PSG. O técnico francês assumiu o clube parisiense após a saída de Mauricio Pochettino. Além disso, também foi a primeira partida do meio-campista português Vitinha, contratado junto do Porto por cerca de R$ 218 milhões.

Em clima realmente de pré-temporada, o jogo foi morno e se concentrou praticamente no campo de defesa do Quevilly. O clube da segunda divisão pouco ofereceu de perigo aos mandantes, que também não pareciam se esforçar mais do que o necessário. Na segunda etapa, Galtier trocou todos os jogadores em campo.

O astro Neymar foi desfalque no duelo por precaução. Após sofrer uma pancada no quadril no treino da última terça-feira (12), o atacante não treinou nos dias seguintes e foi poupado. Apesar do incômodo, o brasileiro deve viajar com a equipe nos próximos dias para uma turnê no Japão. Mbappé também foi ausência na partida.

No país oriental, a equipe parisiense enfrentará três clubes japoneses: Kawasaki Frontale (20), Urawa Reds (23), e Gamba Osaka (25). A temporada 2022/23 do PSG começará oficialmente na semana seguinte, no dia 31 de julho, com a disputa da Supercopa da França, contra o Nantes.

O PSG começou o amistoso em alta intensidade, fazendo com que as ações da partida basicamente se concentraram no campo de defesa do adversário. No entanto, a equipe parisiense se limitava a apenas trocar passes, não conseguindo ser incisiva e chutar no gol defendido por Lemaitre.

Depois de cerca de 20 minutos, o Quevilly começou a conseguir sair para o ataque. Assim, as linhas da equipe da segunda divisão avançaram um pouco, mudando a configuração inicial de contra-ataques rápidos e ligações diretas.

Aos 34 minutos, o PSG conseguiu furar a retranca do adversário. Messi recebeu sozinho na área e foi parado com pênalti. O zagueiro Sergio Ramos foi para a batida e converteu, inaugurando o placar. Depois do tento, o jogo voltou a ficar morno até o intervalo.

O PSG voltou para a segunda etapa com 11 novos jogadores. O técnico decidiu trocar todos em campo para dar minutagem a mais atletas. Nos 45 minutos finais, a partida continuou na mesma tônica, com o PSG controlando a partida, mas sem criar muito.

Até que o atacante Gassama, que saiu do banco de reservas, conseguiu marcar um golaço logo aos 9 minutos e aumentou a vantagem da equipe. Durante o restante do confronto, o PSG continuou pressionando, com os suplentes tentando impressionar o novo comandante, embora a partida não tenha tido mais emoção.

O duelo foi exibido pela TV do clube e pelo canal do PSG na Twitch. No entanto, a transmissão era exclusiva para assinantes pagos, com usuários gratuitos da plataforma podendo assistir a apenas 5 minutos. O jogo chegou a ter 38 mil espectadores no início, mas terminou com cerca de 9 mil.