|
  • Bitcoin 102.045
  • Dólar 5,3317
  • Euro 5,5605
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 29/05/2022, 20:15

Palmeiras vence clássico contra o Santos e assume liderança

Peixe fez bom primeiro tempo, mas cedeu espaço para o Verdão, que marcou no final com o zagueiro Gustavo Gomez

PUBLICAÇÃO
domingo, 29 de maio de 2022

Folhapress
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Nem mesmo o primeiro pênalti perdido por Raphael Veiga com a camisa alviverde, e nem a boa partida do Santos, impediram o Palmeiras de sair da Vila Belmiro com a vitória por 1 a 0. Na tarde deste domingo (29), o time comandado interinamente por João Martins suportou a pressão santista, reagiu no fim e venceu o clássico com um gol aos 35 minutos da etapa final, marcado pelo capitão Gustavo Gómez. 

Com o resultado, o clube alviverde fica com 15 pontos e assume a liderança do Campeonato Brasileiro, favorecido pelo empate do Corinthians com o América-MG em 1 a 1. O Peixe permanece com 11 pontos. Na próxima rodada, o Santos visita o Athletico-PR, sábado (4), às 19h. Os palmeirenses recebem o Atlético-MG, no domingo (5), às 16h. 

DOMÍNIO SANTISTA 

O primeiro tempo do Santos foi animador, com a marcação pressionando o meio-campo adversário e várias oportunidades para marcar. Sozinho na área, Léo Baptistão recebeu de Marcos Leonardo e desperdiçou. Aos dez, após bate e rebate na área palmeirense, Sandry encheu o pé e mandou por cima do gol.  

Aos 20, Baptistão fez boa jogada individual chutou firme e obrigou Marcelo Lomba a fazer ótima intervenção. A poucos minutos do intervalo, Marcos Leonardo foi à rede, mas, acionado pelo VAR, Luiz Flavio de Oliveira viu empurrão de Baptistão no início da jogada e anulou o gol. Nos acréscimos, foi o Palmeiras quem assustou com Rony, que desperdiçou.  

REAÇÃO PALMEIRENSE 

Na segunda etapa, o time diminuiu o ritmo e viu o Palmeiras reagir e buscar a vitória. Se os donos da casa foram superiores e ocuparam mais o campo ofensivo, os palmeirenses tampouco deixaram de atacar. Se aproveitando dos erros adversários, o time comandado neste domingo por João Martins levou perigo em três oportunidades, com Rony, duas vezes, e Raphael Veiga.  

O Palmeiras aumentou o ritmo e chegou mais à área santista. Primeiro, desperdiçou o pênalti com Veiga. Depois, após cruzamento na grande área, Gómez subiu bem, cabeceou e contou com desvio na zaga para vencer João Paulo. 

DERROTA DE BUSTOS 

Desde que Fabián Bustos assumiu a equipe, o Santos somava sete vitórias e um empate na Vila Belmiro. No campeonato Brasileiro havia sido três vitórias em três partidas até a tarde deste domingo, em que o treinador conhece sua primeira derrota na casa santista. 

FICHA TÉCNICA

Santos 0: João Paulo; Madson, Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Sandry (Bruno Oliveira) e Vinícius Zanocelo (Lucas Braga); Léo Baptistão (Rwan), Jhojan Julio (Ricardo Goulart) e Marcos Leonardo (Ângulo). T.: Fabián Bustos.

Palmeiras 1: Marcelo Lomba; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo (Naves) e Jorge; Gabriel Menino, Zé Rafael e Raphael Veiga (Breno Lopes); Dudu (Rafael Navarro), Rony (Atuesta) e Gustavo Scarpa. T.: João Martins (interino)

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)

Gol: Gustavo Gómez (PAL), aos 35'/2ºT.