São Paulo, 26 (AE) - Uma vitória sábado diante da Ponte Preta deverá levar o técnico Oswaldo de Oliveira a poupar alguns jogadores do Corinthians nos demais jogos do Campeonato Paulista. O atual campeão mundial soma 15 pontos e lidera com bastante folga o Grupo 3 da competição regional. "Temos de pensar no futuro; daqui a pouco vamos ter pela frente fases decisivas também na Libertadores e na Copa do Brasil", afirmou o treinador.
Oswaldo de Oliveira não adianta informações, mas é quase certo que jogadores importantes do esquema poderão ser retirados da equipe. "Não é possível que um atleta mantenha um bom nível jogando 90 partidas em uma temporada", disse o treinador, que deverá iniciar um revezamento na escalação da dupla de zaga. Fábio Luciano, Adílson e João Carlos disputarão as duas vagas.
Márcio Costa, originalmente zagueiro, ficará momentaneamente como reserva de Kléber na lateral-esquerda. A diretoria corintiana descartou a possibilidade de contratar Gilberto, do Vasco, e Augusto transferiu-se para o Botafogo-RJ. "Esta é a única posição que não contamos com dois jogadores", afirmou Oswaldo.
Com a convocação de Vampeta, Ricardinho e Edílson para a seleção brasileira, o setor ofensivo também terá modificações paras "partidas de menor importância". "Por isso, precisávamos abrir uma vantagem boa no Paulista e poder descansar os atletas", disse o treinador do Corinthians.
Preparo físico - Antônio Mello, preparador físico corintiano, afirmou que a maratona de jogos ainda não está atrapalhando a condição física dos atletas. "Estamos em início de temporada, mas é importante guardar energias para o período mais intenso de jogos", disse Mello.
O time do Corinthians só volta aos treinamentos amanhã à tarde. Dida, Ricardinho, Edílson e Vampeta, que estão na seleção
devem se apresentar apenas na quinta-feira. Quatro jogadores estão pendurados com um cartão amarelo: Edílson, Fábio Luciano, Edu e Gilmar.