O Schimidt do futebol
é noivo e fã de Zico
Milton DóriaFILHO PRÓDIGOEdu: nas folgas, meia perde tempo e corre para ver a famíliaApesar de ter o mesmo sobrenome do jogador Oscar, do basquetebol, é no futebol que Luiz Eduardo Schimidt, o Edu, de 21 anos, vem conseguindo se destacar. Convocado às pressas para substituir o atacante Denílson, que deixou a Seleção Brasileira para voltar ao Bétis da Espanha, ele não é parente de Oscar.
Edu começou a jogar futebol aos 14 anos pelo XV de Jaú, time da sua cidade natal. Depois de dois anos, o jogador foi emprestado ao São Paulo, onde permaneceu por um ano, até ter o seu passe definitivamente comprado pelo time paulista.
Fã de Zico, ex-craque do Flamengo, Edu espera ter um maior reconhecimento jogando no Brasil para só depois seguir viagem rumo aos times europeus. Romântico de carteirinha, ele assistiu quatro vezes o filme Titanic, ao lado da noiva Fabiana, que mora em São Carlos (interior de São Paulo). Para confirmar o seu lado romântico, Edu escolhe o sertanejo e o pagode como estilos de música favoritos.
O meio-campista da Seleção diz que ainda tem muito tempo para pensar no que vai fazer quando parar de jogar futebol, mas já definiu que vai voltar a estudar. O jogador cursou apenas até o segundo ano do segundo grau.
Quando tem uma folga, Edu não perde tempo e corre para os braços da família, que continua morando em Jaú, também no interior paulista. A comida favorita do jogador são-paulino, que já marcou 13 gols nos 38 jogos em que participou com a camisa da Seleção, é Lasanha. Para acompanhar, suco ou guaraná. Como bom católico, a sua leitura preferida é a Bíblia.