Muro do Morumbi é pichado com crítica ao presidente do São Paulo, Leco


JOSÉ EDUARDO MARTINS
JOSÉ EDUARDO MARTINS

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A derrota para o Mirassol pelas quartas de final do Campeonato Paulista gera polêmicas no São Paulo. Uma parte do muro do Morumbi, entre a bilheteria e o portão 3, foi pichado na madrugada desta sexta-feira (21), com a frase "Leco pior presidente".

A imagem foi divulgada nas redes sociais. Segundo apurou a reportagem, a área já foi pintada por funcionários do clube.

Na última quarta (29), o Mirassol, que disputa a Série D do Brasileirão e tinha sofrido 18 mudanças em seu elenco durante a pausa no calendário, derrotou o clube tricolor por 3 a 2 em pleno Morumbi. O revés provocou a eliminação do São Paulo no estadual.



Desta maneira, o time tricolor tem apenas chances matemáticas de ser campeão nacional neste ano, durante a gestão de Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco. O dirigente assumiu o clube pela primeira vez em outubro de 2015, após a renúncia de Carlos Miguel Aidar,



Em dezembro serão realizadas eleições presidenciais clube. Júlio Casares é o único candidato já confirmado. Marco Aurélio Cunha, Roberto Natel e Sylvio de Barros vão disputar a convenção para a formação da outra chapa no dia 15 de agosto. O estatuto do clube veta nova reeleição de Leco.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo