Luto no atletismo -

Morre Graciete Santana, corredora olímpica que já venceu maratona de Londrina

Maratonista que lutava contra um melanoma severo faleceu na quinta-feira, em Salvador (BA)

Reportagem local
Reportagem local

 

Morre Graciete Santana, corredora olímpica que já venceu maratona de Londrina
Reprodução/CBAt
 

A maratonista Graciete Santana, que foi campeã da maratona de Londrina e disputou os jogos olímpicos de 2016, morreu na madrugada de quinta-feira (16), de acordo com informações da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo). Ela foi diagnosticada com melanoma severo e fazia tratamento contra o câncer.


Baiana de Santa Preta, Graciete completaria 41 anos em outubro e já represnetou o Cruzeiro na modalidade. Hospitalizada em Salvador, ela participou da colação de grau de sua graduação em Educação Física de forma on-line e agradeceu à equipe médica que cuidava dela.


Além de Londrina, Graciete também venceu a maratona de Florianópolis e sua melhor marca para a prova era de 2:38.33, obtida em Sevilha, na Espanha, em fevereiro de 2016, segundo o perfil da Wolrd Athletics e da CBAt.


Na maratona olímpica, ela ficou em 128º lugar, com 3:09.15.


"Uma pena que ela tenha perdido essa corrida contra o câncer. O atletismo brasileiro está em luto. Muito triste. Nossos cumprimentos ao marido e treinador, Domingos Alves, a família, amigos, a comunidade do atletismo da Bahia e a grande comunidade de atletismo do fundo. Momento muito triste! Faz a gente refletir muito sobre a importância de viver intensamente e se cuidar porque o risco ao melanoma é grande para quem se expõe ao sol. Fica um alerta para que os atletas tenham muito cuidado", afirmou o presidente do Conselho de Administração da CBAt, Wlamir Motta Campos.


(Com informações da CBAt)

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo