No duplo confronto com equipes do ABC paulista neste final de semana, o Cesulon/Londrina não resistiu ao melhor entrosamento e à qualidade dos jogadores reservas das equipes que ocupam as duas primeiras posições na Liga Nacional de Handebol Masculino.
Ontem à tarde, no ginásio do Colégio Marista, a equipe londrinense foi derrotada por 24 a 20 (14 a 11) pelo líder invicto do campeonato, o Metodista, de São Bernardo do Campo, Grande São Paulo. Na sexta-feira, também em casa, o Cesulon perdeu para o Imes/São Caetano por 23 a 21 (11 a 10). Em apenas um momento ontem, aos dez minutos do segundo tempo, o Cesulon ameaçou a supremacia do adversário. Encostou no placar (14 a 15), mas perdeu três contra-ataques seguidos.
Três semanas atrás o Metodista sagrou-se campeã sul-americano. A equipe também é tricampeã da Liga e tem sete jogadores da seleção brasileira, três deles titulares. Ontem, o armador-esquerdo Agberto foi o artilheiro do jogo com oito gols. Mão-de-onça, armador-esquerdo do Cesulon, fez sete.
Mesmo com as duas derrotas, o Cesulon mantém chances de chegar aos play-offs. Quatro das oito equipes se classificam para esta fase. O Cesulon continua na quinta colocação com oito pontos. Os próximos confrontos são contra dois concorrentes direto pelas vagas, Vasco (quinta) e Flamengo (sábado), ambos em Niterói (RJ).
O Cesulon só volta a jogar em casa contra o Pinheiros, na penúltima rodada. Na última, joga com o laterninha Guarulhos. Antes disso, atua fora de casa contra o Maringá, que ontem também foi derrotado em casa pelo Imes/São Caetano.
A classificação – ignorando o resultado entre a partida Pinheiros e Flamengo (que não havia sido encerrada até o final desta edição) – após nove rodadas: 1º, Metodista, 18 pontos; 2º, Imes/São Caetano, 13; 3º, Pinheiros, 11; 4º, Flamengo, 9; 5º, Cesulon, 8; 6º, Vasco, 7; 7º, Maringá, 4; e 8º, Guarulhos, 0.