|
  • Bitcoin 121.350
  • Dólar 5,0575
  • Euro 5,2320
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 25/06/2022, 20:01

Medina lesiona ligamento do joelho e dá adeus a chances de tetra em 2022

PUBLICAÇÃO
sábado, 25 de junho de 2022

GUSTAVO SETTI
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SAQUAREMA, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - Gabriel Medina sofreu neste sábado (25) uma lesão no joelho esquerdo e precisou abandonar a etapa de Saquarema do Mundial de surfe. De acordo com a assessoria de imprensa do atleta, a lesão "de grau 2 para 3 do ligamento colateral medial do joelho esquerdo" tirará Medina da água por pelo menos duas semanas, o que fará o brasileiro perder também a etapa de JBay, na África do Sul.

A lesão também tira as chances do brasileiro de conquistar o tetracampeonato mundial de surfe. Medina terá 14.560 com a participação no Brasil. Se for campeão no Taiti, a última etapa da primeira fase do Mundial, chega ao máximo a 24.560. Isso não será o suficiente para se classificar à fase final, já que o quinto colocado do campeonato, o japonês Kanoa Igarashi, já tem 28.110 pontos. Só os cinco primeiros se classificam à fase final.

Veja o comunicado da equipe de Medina

Gabriel Medina bateu o joelho na prancha enquanto competia no segundo dia de sua participação no Rio Pro, a etapa brasileira do Circuito Mundial, em Saquarema. Ao seguir surfando, o atleta lesionou o joelho esquerdo.

Na tarde deste sábado, dia 25, Medina realizou ressonância magnética nos dois joelhos, e foi diagnosticado uma lesão grau 2 para 3 do ligamento colateral medial do joelho esquerdo. Medina retornará para avaliação médica em duas semanas em busca de um prognóstico mais preciso. Neste cenário, Gabriel Medina estará fora da etapa de JBay, na África do Sul.