O Londrina continua 100% na Série D do Campeonato Brasileiro. Mesmo sem apresentar um bom futebol, o Tubarão conseguiu vencer a Penapolense-SP, ontem, no estádio do Café, por 1 a 0. O gol solitário da partida foi anotado pelo atacante camaronês Joel, já no segundo tempo da partida.
O resultado deixa o Londrina ainda mais tranquilo na liderança do grupo A8 da quarta divisão nacional, com 12 pontos conquistados. A vantagem para o segundo colocado, que é a própria Penapolense, agora é de sete pontos. Se voltar a triunfar diante do Boavista-RJ, na abertura do segundo turno, novamente no Café, domingo que vem, o Alviceleste garante seu lugar na segunda fase com três rodadas de antecedência.
O jogo esteve longe de ser um primor técnico. Os primeiros 15 minutos de bola rolando até foram interessantes, com as duas equipes chegando bem ao ataque. Já aos 3, Celsinho teve uma boa chance, mas acertou o zagueiro. Dois minutos depois, o atacante Fio ganhou na força da defesa e bateu de fora, perto do travessão de Vítor. Aos 10, Joel lançou Bruno Batata, que bateu cruzado e acertou a rede, mas do lado de fora.
Daí em diante, deu até para tirar uma soneca. As duas equipes abusavam dos erros de passes. No Londrina, o meio-campo, que teve Anderson no lugar do lesionado Diogo Roque, era inoperante. Na frente, Batata e Joel ainda tentavam alguma coisa, mas paravam no forte esquema de marcação armado pelos visitantes.
O Londrina voltou para o segundo tempo com Léo Maringá mais adiantado. Não resolveu. O time seguia lento e abusando das ligações diretas para o ataque. Cláudio Tencati então lançou mão de Davi Ceará no lugar do camisa 8. O time melhorou, mas quem quase marcou foram os paulistas. Allan Vieira e Bidía bateram cabeça, Guaru roubou a bola e lançou João Paulo, que limpou e chutou, mas Sílvio apareceu para afastar dentro da pequena área. Do lado de fora, os quase cinco mil torcedores que foram ao Café cantavam para empurrar o time, que continuava pecando na criação.
Então vieram Rone Dias, no lugar de Celsinho, e Diego Prates, no de Allan Vieira, que saiu lesionado. E foi dos pés deles que saiu o gol da vitória, aos 33 minutos. O meia pegou a bola no meio, passou por dois e acionou o jovem lateral. Ele cruzou na medida para Joel no meio da área só tocar e sair para o abraço. Foi o terceiro gol do atacante no campeonato.
Em desvantagem no placar, os visitantes partiram para cima do Londrina e ensaiaram uma pequena pressão em busca do empate. O Londrina, no entanto, foi eficiente na marcação e soube segurar para garantir mais três pontos.
No outro jogo válido pelo grupo, Metropolitano e Pelotas empataram em 2 a 2, em Blumenau. Pelo grupo A7, o Maringá foi derrotado por 1 a 0 pelo Ituano, no sábado. O resultado, além de acabar com a invencibilidade, jogou os maringaenses para o segundo lugar da chave, com sete pontos. O líder é o Brasil de Pelotas, com 9.

Imagem ilustrativa da imagem MAIS TRÊS PONTOS - Classificação encaminhada