|
  • Bitcoin
  • Dólar
  • Euro
Londrina

Sub-23 5m de leitura Atualizado em 01/12/2021, 15:37

Londrinense disputa Pan-Americano de Atletismo na Colômbia

Promessa do atletismo nacional, Gabriela Tardivo foi convocada pela quinta vez para a seleção brasileira e vai disputar os 1500 metros rasos e 3000 metros com obstáculos

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Reportagem local
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

Destaque da equipe Londrina/FEL/IPEC de Atletismo, a jovem Gabriela Tardivo é uma das atrações da seleção brasileira que disputa os Jogos Pan-Americanos Júnior (Sub-23), em Cali, na Colômbia. Aos 17 anos, a atleta abre sua participação nesta quinta-feira (2) na prova dos 1500 metros rasos. Ela volta à pista no dia 4 para participar dos 3000 metros com obstáculos.

Gabriela Tardivo vai disputar os 1500 metros e 3000 metros com obstáculos
Gabriela Tardivo vai disputar os 1500 metros e 3000 metros com obstáculos |  Foto: Carol Coelho/CBAt
   

Apontada como uma das principais promessas do atletismo nacional, Gabriela vive a melhor temporada de sua carreira e mostra evolução. Somente em 2021, ela teve cinco convocações para seleções brasileiras e foi uma das poucas atletas do país que alcançaram convocações em três categorias: sub-18, sub-20 e sub-23. Além do Pan Júnior, a atleta também foi chamada para defender o país nos Campeonatos Sul-Americanos das categorias sub-18, sub-20 e sub-23, e também no Pan-Americano sub-20.

Competindo duas categorias acima, Gabriela enxerga na competição uma oportunidade de ganhar mais experiência. “A gente vem num processo importante, de crescimento, ganhando experiência com essas oportunidades, e isso tem me deixado muito confiante em relação ao futuro. Espero mais uma vez poder fazer meu melhor na pista e buscar um bom resultado para o nosso país”, declarou a jovem.

A Menina de Ouro, apelido que ganhou nas competições nacionais, lidera os rankings nacionais das categorias sub-18 e sub-20 da prova dos 1500 metros rasos, dos 2000 metros com obstáculos sub-18, e é segunda colocada na lista dos 3000 metros com obstáculos da categoria sub-20. Na sub-23, categoria do Pan, ela é vice-líder do ranking nacional tanto nos 1500 como nos 3000 metros com obstáculos. A jovem é treinada por Cristiano Ribeiro.

O Projeto Londrina Atletismo conta com incentivo da Copel e Governo do Paraná, através do programa Proesporte, e tem patrocínio da Prefeitura de Londrina e Fundação de Esportes de Londrina (FEL), através do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe), Instituto Paranaense de Esporte e Cultura (IPEC) e Colégio Ética; e parceria da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Maximus Assistencial, Ivot Ortopedia, Ômega Diagnósticos, Espaço Saúde Integral Londrina e Academia AS Fitness.

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link

instagram

ÚLTIMOS POSTS NO INSTAGRAM