Série B -

Londrina faz as contas para fugir do rebaixamento

Tubarão precisa ganhar os dois últimos jogos da Série B e torcer por tropeços de Figueirense, Oeste ou Vitória

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha

O drama do Londrina só cresce com a proximidade do fim da Série B. Faltando duas rodadas para o término da competição, o Tubarão segue três pontos atrás do primeiro time fora da zona do rebaixamento e precisa conquistar os seis pontos e ainda torcer por tropeços de Figueirense, Oeste ou Vitória para escapar da queda para a Série C.


Precisando vencer, centroavante Júnior Pirambu deve seguir entre os titulares do Londrina em Sorocaba
Precisando vencer, centroavante Júnior Pirambu deve seguir entre os titulares do Londrina em Sorocaba | Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube
 


Sem vencer há seis partidas - cinco derrotas e um empate -, o LEC soma 36 pontos, na 17ª posição, e joga na quinta-feira (21) diante do São Bento, em Sorocaba, e na última rodada recebe o Guarani, no estádio do café. O São Bento é o lanterna, com 33 pontos, e tem 99% de chance de ser rebaixado, mas enfrenta o Londrina ainda vivo na competição. Já o Brugre, 11º colocado, com 44 pontos, só cumpre tabela nas rodadas finais. 



Levando em conta a projeção mais otimista, o Londrina ganhando os dois jogos terminaria o Brasileiro com 42 pontos. Se fizer a sua parte, o Alviceleste precisa torcer por pelo menos uma das três possibilidades.

Uma derrota do Figueirense, que soma 39 pontos, nas duas últimas rodadas onde o time catarinense irá enfrentar o CRB fora de casa e o Operário, em Florianópolis. O Oeste também pode salvar o Tubarão. A equipe de Barueri tem 40 pontos e se, no máximo, empatar as duas partidas também terminaria com 42, mas ficaria atrás do LEC no número de vitórias. O Oeste joga em Goiânia contra o Vila Nova e recebe o Criciúma. 

Mesmo com 42 pontos, o Vitória não está matematicamente livre do rebaixamento. Se o time baiano perder os dois jogos, seria ultrapassado pelo Londrina também pelo número de vitórias. O rubro-negro joga na próxima rodada em Ponta Grossa e depois recebe o Coritiba, no Barradão.

O LEC ainda pode se safar com mais quatro pontos ou até mesmo com três, mas dependeria de uma combinação ainda maior de resultados negativos dos três times que estão acima dele na tabela e ainda teria que torcer por tropeços de Criciúma e Vila Nova, que somam 35 pontos e também lutam contra a queda. 

Segundo o departamento de Matemática da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), o Londrina tem apenas 15% de chance de se manter na Série B. Para o site Chance de Gol, o risco de queda do Tubarão é de 82% e para o Infobola, é de 85%. 

Saiba mais sobre o LEC


Continue lendo


Últimas notícias