|
  • Bitcoin 118.400
  • Dólar 5,2124
  • Euro 5,3422
Londrina

Série B

m de leitura Atualizado em 24/06/2022, 21:17

LEC "sobra" contra o Guarani e se aproxima do G4 na Série B

Tubarão faz 3 a 1 no estádio do Café, sobe para o sétimo lugar e terá confronto direto contra o Grêmio na terça-feira em Porto Alegre

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 24 de junho de 2022

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

Foto: Ricardo Chicarelli
menu flutuante

O Londrina deixou para trás mesmo a derrota para o Vasco e se reabilitou em grande estilo na Série B ao vencer o Guarani por 3 a 1, na noite de sexta-feira (24), no estádio do Café, pela 14ª rodada do Brasileiro. Com gols de Eltinho, Augusto e Jhonny Lucas, o Tubarão venceu pela quarta vez em casa e se distanciou da zona do rebaixamento. 

Imagem ilustrativa da imagem LEC "sobra" contra o Guarani e se aproxima do G4 na Série B Imagem ilustrativa da imagem LEC "sobra" contra o Guarani e se aproxima do G4 na Série B
|  Foto: Ricardo Chicarelli
 

A vitória levou o Alviceleste para os 18 pontos, em sétimo lugar, a quatro do quarto colocado, o Grêmio, que  será o próximo adversário do LEC, na terça-feira (28), às 19h, em Porto Alegre. Já o Guarani permanece com 13 pontos afundado na zona do rebaixamento, ao lado da sua rival Ponte Preta, que também perdeu para o Tubarão. 

O Londrina teve dificuldades nos minutos iniciais do jogo, sobretudo pela marcação forte do Guarani com três zagueiros. No entanto, o Bugre abusava das faltas e isso proporcionou três bons momentos para o Alviceleste. Aos 17, Caprini sofreu falta próxima à meia lua da grande área. Eltinho cobrou com perfeição no ângulo e marcou um golaço. 

Aos 25, o Tubarão perdeu o centroavante Gabriel Santos, que saiu com uma lesão muscular e foi substituído por Mirandinha. Mesmo com vantagem no placar, o Alviceleste não conseguiu se impor em campo e o Guarani cresceu. Aos 29 minutos, Júlio César cruzou e Lucão do Break finalizou na trave esquerda de Matheus Nogueira. 

O LEC perdeu força ofensiva e não chegou mais ao gol bugrino. Aos 38, após bola levantada na área, Lucão escorou de cabeça e o volante Silas fez um belo gol ao acertar um chute forte da entrada da grande área. A primeira etapa terminou com o Londrina desarrumado e o Guarani melhor em campo. 

A conversa no intervalo fez bem e o Londrina voltou arrasador para o segundo tempo e definiu o jogo em quatro minutos. Aos dois, João Paulo cobrou escanteio da direita, o goleiro Rafael Martins saiu mal e Augusto testou para o gol. A bola pegou no travessão e caiu dentro da meta bugrina. 

O Guarani sentiu o golpe e o LEC nocauteou o rival. No lance seguinte, a bola foi lançada para Jhonny Lucas dentro da área, o volante girou em cima da marcação e bateu no ângulo de Rafael Martins. Festa dos mais de três mil torcedores que foram ao Café. 

O Tubarão continuou em cima e pressionando o rival. Aos 11, Gegê perdeu gol feito ao finalizar de dentro da área na trave. Na sequência do lance, Douglas Coutinho bateu forte para grande defesa de Martins. O Alviceleste diminuiu o ritmo ofensivo, mas se defendeu bem. 

O Bugre chegou duas vezes com perigo. Na primeira, Lucão mandou por cima após um voleio. Em seguida, Yago acertou a trave após uma bicicleta dentro da área. Seria um gol de placa no Café. No fim, festa alviceleste no Café. 

Árbitro: Denis da Silva Ribeiro (AL)

Estádio: do Café

Gols: Eltinho, aos 17, e Silas, aos 38 minutos do primeiro tempo, Augusto, aos 2, e Jhonny Lucas, aos 4 minutos do segundo tempo

Renda:  R$ 50.220,00     Público: 3.346 (Pagantes: 2.961)

Londrina: Matheus Nogueira; Samuel Santos, Augusto, Gustavo Vilar e Eltinho. João Paulo, Jhonny Lucas, Gegê  (Mandaca) e Caprini (Alan Ruschel). Douglas Coutinho (Matheus Lucas) e Gabriel Santos (Mirandinha) (Luan). Técnico: Adilson Batista

Guarani: Rafael Martins; João Victor, Ernando (Bruno José) e Leandro Castán. Lucas Ramon (Diogo Mateus), Leandro Vilela (Maxwell), Silas (Eduardo), Giovanni Augusto e Matheus Pereira. Júlio César (Yago) e Lucão do Break. Técnico: Marcelo Chamusca

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link