FIM DA SEQUÊNCIA -

LEC sai na frente, mas leva a virada do Tombense e deixa o G4

Segundo gol do time mineiro saiu no finalzinho e decretou o resultado amargo para o Tubarão

Pedro Marconi - Grupo Folha
Pedro Marconi - Grupo Folha

LEC sai na frente, mas leva a virada do Tombense e deixa o G4
Foto: Gustavo Oliveira - Londrina Esporte Clube
 


O Londrina passou boa parte do jogo com a vitória na “mão”, entretanto, a possibilidade de engatar o quarto triunfo consecutivo na Série C do Brasileiro foi por "água abaixo" e o time acabou perdendo por 2 a 1 para o Tombense, neste domingo (27), em Minas Gerais. O gol azul e branco foi marcado por Igor Paixão, mas após falha de Cristian, que fez pênalti, a equipe mineira deixou tudo igual e a poucos minutos do fim Alípio fez o segundo dele. 


Com o resultado, o LEC deixou o G4 e agora figura na quinta colocação, com 11 pontos. A equipe agora terá uma sequência de dois compromissos em quatro dias. Na quinta-feira (1º), enfrenta o Brusque, às 20h, fora de casa, em confronto atrasado da 6ª rodada. Já no domingo (4), recebe o Volta Redonda, às 16h, no estádio do Café. 




GOL COM PAIXÃO

O Tubarão iniciou a partida assustando o adversário. Com três minutos, Júnior Pirambu desperdiçou grande chance após chutar para fora, sozinho dentro da área. A resposta do Tombense só veio aos 24 minutos numa cobrança de falta em que a defesa alviceleste apareceu para salvar em cima da linha.  


Mas não demorou para o zero sair do placar. Adenílson pegou a bola no campo de defesa, deu passe na medida para Matheus Bianchi, que mandou uma “bomba" na trave. A bola voltou e Igor Paixão aproveitou, colocando no fundo da rede, sem chances para o goleiro Felipe, aos 35 minutos. Na reta final, Adenílson ainda tentou aumentar a vantagem, mas sem sucesso. 


VIRADA

O Tombense voltou para a etapa complementar pressionando, entretanto, sem acionar o goleiro Dalton. Já o LEC abdicou de jogar e mais defendeu do que atacou, influenciando pelas alterações promovidas pelo técnico Alemão. O panorama do duelo só mudou aos 28 minutos. Ramon foi segurado por Cristian dentro da área e o árbitro baiano Ricarle Batista sinalizou pênalti. Alípio converteu, deixando tudo igual em Minas Gerais.  


O Londrina ameaçou uma reação, mas sem criatividade ou grandes possibilidades. Quando o confronto parecia terminar em igualdade, Alípio apareceu de novo. Em cobrança de escanteio, o camisa 20 do Carcará subiu mais alto do que os marcadores, garantindo a vitória para o Tombense, aos 48 minutos. 


EM TOMBOS (MG) 

TOMBENSE 2 – Felipe; David, Admilton, Ramon e João Paulo; Marquinhos, Denner (Falcão) e Ibson (Jhemerson); Maycon Douglas (Daniel Cruz), Eduardo (Alípio) e Gabriel Lima. Técnico: Julinho Camargo 


LONDRINA 1 – Dalton, Gedeílson, Zé Pedro, Jéferson (Cristian) e Alan Cardoso; Escobar, Matheus Bianchi (Wilker) e Adenílson; Igor Paixão (Chicão Amorim), Danilo (Vagner) e Júnior Pirambu (Carlos Henrique).  Técnico: Alemão 


Árbitro: Ricarle Gustavo Gonçalves Batista (BA) 




Gol: Igor Paixão aos 35 minutos do 1º tempo e Alípio aos 29 e 47 do 2º tempo 


Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Últimas notícias

Continue lendo