SÉRIE B -

LEC joga com a missão de sair de vez da ZR


Vitor Ogawa - Grupo Folha
Vitor Ogawa - Grupo Folha

O Londrina enfrenta o Brusque neste sábado (28), na casa do adversário, pela 21ª rodada do  Campeonato Brasileiro da Série B. O time catarinense entra pressionado porque está há cinco rodadas sem vencer e ocupa a 13ª colocação. Já o Londrina está em 17º lugar e continua sua saga para deixar a zona de rebaixamento de vez. A equipe está com 20 pontos e se vencer passa o Vila Nova, que soma 22, em 16º, e já jogou na rodada. O árbitro da partida será Fábio Augusto Santos Sá Junior (SE), o mesmo da vitória do LEC no confronto entre as duas equipes no ano passado.


 

LEC aposta em Lucas Lourenço como trunfo ofensivo na ausência de Safira
LEC aposta em Lucas Lourenço como trunfo ofensivo na ausência de Safira | Ricardo Chicarelli/Londrina Esporte Clube
 


Para o técnico Márcio Fernandes, os erros cometidos durante a partida contra o Brasil de Pelotas não podem ser repetidos. “Agora temos que intensificar tudo o que foi bom, dar confiança para que eles possam executar e em cima disso fazer com que o nosso time tenha uma mentalidade vencedora. Isso é o mais importante dentro dessa competição.” 


A equipe titular do Londrina mudou muito em relação ao confronto do primeiro turno com o Brusque, quando ainda era comandada por Roberto Fonseca. Aquele jogo foi marcado por erros de arbitragem, como o lance do gol em que Edu estava visivelmente em posição de impedimento. Outro lance polêmico foi quando Caprini tentou cruzar e a bola foi interceptada com o braço pela defesa, mas o pênalti a favor do Londrina não foi marcado. Desta vez, a possibilidade de ocorrer lances como aquele são menores, já que haverá o VAR. 


O carrasco do Londrina naquela partida, Edu, permanece no departamento médico. Outros lesionados do Brusque são Juliano e Fillipe Soutto (pubalgia), Gabriel Taliari e Marco Antônio (ruptura de ligamentos de joelho); e Vivico (fratura no quinto metatarso do pé direito). Outro possível desfalque será Maurício Garcez, que apresenta sintomas de gripe, sem diagnóstico de Covid-19. João Carlos e Bruno Lopes, que estavam lesionados, agora estão na transição. O recém-contratado Marlone (meia)  já teve sua situação regularizada no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF e até poderia estrear contra o Londrina, mas acredita-se que isso não deva acontecer devido à sua condição física.


Pelo lado do Tubarão as ausências no time titular serão o goleiro César e o atacante Safira. O atacante Marcelinho está recuperado de contusão e pode voltar ao time. Recém-contratado, o atacante Gabriel Ramos foi regularizado e pé outro que está à disposição de Márcio Fernandes, que contará ainda com o retorno de Matheus Bianqui, livre de suspensão.


Londrina e Brusque possuem um histórico de quatro confrontos. Além da partida do primeiro turno deste ano, os dois se enfrentaram pela Série C do ano passado com uma vitória para cada lado por 2 a 1. Há 13 anos os dois times se enfrentaram pela semifinal da Recopa Sul-Brasileira, em 2008, e depois de um empate por 1 a 1 no tempo normal, o Brusque acabou vencendo o Londrina por 7 a 6 nos pênaltis. 


Em Brusque

BRUSQUE

Zé Carlos; Toty, Ianson, Everton Alemão e Airton; Zé Mateus, Rodolfo Potiguar; Bruno Alves, Diego Mathias (Jhon Cley), Alex Ruan; Thiago Alagoano. Técnico: Jerson Testoni

LONDRINA

Dalton; Matheus Bianqui, Saimon, Lucas Costa e Felipe Vieira; Tárik, Jhonny Lucas, Gegê e Marcelinho (Celsinho); Salatiel e Lucas Lourenço. Técnico: Márcio Fernandes



Local: Estádio Augusto Bauer

Data: 28/08 (sábado)

Horário: 18h45

Árbitro: Fábio Augusto Santos Sá Junior (SE)


Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo