Série C -

LEC aposta na força do Café para se manter no G4

Com 86% de aproveitamento em casa, Londrina recebe no domingo o Ypiranga (RS) em busca de reabilitação na série C do Brasileiro

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha

De volta ao estádio do Café, o Londrina quer reencontrar o caminho da vitória para se consolidar no G4 da Série C. O Tubarão recebe o Ypiranga (RS) no domingo (18), às 16h, pela 11ª rodada do Brasileiro.

Depois de cumprir suspensão, Adenilson volta ao meio-campo do LEC no domingo
Depois de cumprir suspensão, Adenilson volta ao meio-campo do LEC no domingo | Gustavo Oliveira/LEC
 

O Café se tornou o grande trunfo do Alviceleste na busca pela classificação para a segunda fase. Com uma campanha pífia, de apenas 6% de aproveitamento como visitante, são os jogos em casa que têm mantido o LEC entre os primeiros colocados.




Como mandante são 86% de aproveitamento, com um empate na primeira rodada e quatro vitórias seguidas. Dos 14 pontos somados até aqui, 13 foram conquistados no Café. Até o fim da primeira fase serão mais quatro jogos em casa. Além do Ypiranga, o LEC irá enfrentar Ituano, Tombense e Brusque.

 

Em quarto lugar no grupo B, o Londrina encara a partida deste domingo como mais uma decisão. Uma vitória dará mais fôlego e tranquilidade ao time. Já um tropeço pode tirá-lo do G4, já que adversários como Ituano e Tombense têm crescido no campeonato e se aproximaram da pontuação do Tubarão. O time paulista, que já jogou na rodada, tem 14 pontos, e a equipe mineira soma 12 e pode chegar aos 15. 


Para este confronto da segunda rodada do returno, o técnico Alemão terá a volta de três titulares que cumpriram suspensão na derrota para o Criciúma. Retornam ao time o zagueiro Jeferson e os meias Matheus Bianqui e Adenílson. Por outro lado, o treinador não poderá contar com o volante e capitão Escobar, suspenso com o terceiro amarelo. Com isso, Marcel será recuado para primeiro volante. Nas demais posições, a formação será mantida em relação ao último jogo. 


O Ypiranga é o vice-líder do grupo, com 18 pontos, e vem de um empate com o líder Brusque. A equipe gaúcha terá a volta do volante Reinaldo, após cumprir suspensão, e anunciou esta semana o retorno do centroavante Diego Quirino, ex-Londrina. No entanto, o atacante não será relacionado para a partida no Café. No primeiro turno, em Erechim, o Ypiranga venceu por 2 a 1, com dois gols do centroavante Fernandinho, artilheiro da Série C, com sete gols. 

LEC aposta na força do Café para se manter no G4
Folha Arte
 




Árbitro: Emerson Ricardo de Almeida (BA)

Estádio: do Café

Horário: 16h

Londrina

Dalton; Gedeílson, Marcondes, Jeferson e Rafael Rosa; Marcel, Matheus Bianqui e Adenílson; Igor Paixão, Carlos Henrique e Danilo. Técnico: Alemão


Ypiranga

Deivity; Muriel, Ricardo, Douglas (Reinaldo) e Zé Mário; Tárik, Clayton e Zotti; Fernandinho, Leilson e Neto Pessoa. Técnico: Paulo Henrique Marques


Conselho aprova renovação de parceria com a SM Sports

O Conselho de Representantes do Londrina aprovou a renovação de contrato de parceria com a SM Sports. O conselheiros se reuniram na noite de quinta-feira (15) e o novo vínculo entre o clube e a empresa será estendido até 2025.


Em uma reunião virtual, que durou mais de cinco horas, os conselheiros debateram 13 pontos do novo contrato e praticamente todos foram aprovados. Alguns ajustes ainda serão feitos em alguns tópicos antes da redação da minuta final. O ex-volante Germano, hoje gerente de futebol do LEC, também participou do encontro. 


Os percentuais que serão repassados ao LEC vão depender da divisão do Campeonato Brasileiro que o clube estiver disputando. Na Série C ou D, o Londrina ficará com 5% de toda a receita do futebol, que engloba bilheteria, patrocínios, vendas de jogadores e outras fontes. Na hipótese de voltar à Série B, o repasse sobe para 10%, e chegando à Série A, o índice vai para 12,5%. 


Com a renovação a partir do ano que vem, a SM Sports ficará responsável também pelas categorias de base e pelo custo operacional do VGD (Vitorino Gonçalves Dias).




O novo contrato também será apreciado pela Justiça do Trabalho antes da assinatura entre o clube e a SM Sports. O Londrina ainda está sob intervenção judicial. 

Leia mais sobre o LEC

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito

Tudo sobre:

Últimas notícias

Continue lendo