30ª RODADA -

Em jogo morno, Londrina fica no empate sem gols com o Operário

Tubarão segue estacionado na 17ª colocação e desperdiçou chance diminuir pontuação para fugir da ZR

Pedro Marconi - Grupo Folha
Pedro Marconi - Grupo Folha

 

Zeca foi um dos jogadores que apresentaram futebol abaixo do esperado
Zeca foi um dos jogadores que apresentaram futebol abaixo do esperado | André Jonsson/OFEC
 


O clássico regional entre Londrina e Operário foi o retrato do momento que os dois clubes atravessam na Série B do Brasileiro. Num duelo morno - para times que precisavam vencer -, o resultado foi um 0 a 0 diante dos torcedores que foram ao estádio Germano Krüger, no Oeste paranaense, na noite deste sábado (16). O placar foi ruim para os ambos os lados. Enquanto o Fantasma segue flertando com a zona de rebaixamento e está a dez jogos sem saber o que é vitória, o Tubarão continua estacionando na 17ª colocação da zona de rebaixamento.


Somando 31 pontos, o LEC está a três de distância para a Ponte Preta, que perdeu no fim de semana em casa por 3 a 2 para o Náutico e figura na 16º posição. O Londrina terá a chance de se redimir na terça-feira (19), quando recebe o Goiás, no Café, às 19h. O esmeraldino é o terceiro na tabela e vem de triunfo em cima do CSA.


POUCA INSPIRAÇÃO

O primeiro tempo foi marcado pelo baixo nível técnico e uma sucessão de erros de passes e finalizações. Quem assustou primeiro foi o Londrina, que após cobrança de falta de Eltinho, a bola desviou e bateu no travessão. O Fantasma respondeu com Thomas, que recebeu bom passe, no entanto, desperdiçou e mandou por cima do gol. O Tubarão chegou bem na sequência com Zeca, que também chutou para fora. As equipes ainda ameaçaram algumas jogadas, porém, nada que tirasse o zero do placar.


MAIS DO MESMO

O LEC voltou do intervalo com Victor Daniel no lugar de Roberto no ataque. A mudança surtiu pouco efeito prático para fazer com que o time desencantasse na partida. Com um minuto, Leandro Vilela perdeu chance incrível para o Operário a poucos metros do gol alviceleste. Aos seis minutos, Marcelinho arriscou chute da entrada na área e a bola passou perto. O time da região Oeste teve outra oportunidade com Marcelo, que mandou uma bomba, deixando a torcida no quase.


O Londrina deu o troco à altura. Em cobrança de escanteio com João Paulo, Matheus Bianchi cabeceou, colocando a bola na trave. O LEC perdeu outra chance aos 33 minutos. Em batida de falta, Augusto cabeceou na área e a bola passou por todos, indo para a linha de fundo. O Operário ainda cobrou duas faltas perto da área no finalzinho, porém, não aproveitou e o encontro entre os times ficou zerado.

 

FICHA TÉCNICA

OPERÁRIO 0: Thiago Brava; Alex Silva, Fábio Alemão (Pedro Ken), Reniê e Djalma Silva; Leandro Vilela (Rafael Longuine), Marcelo, Alan, Thomaz (Rafael Oller) e Felipe Garcia (Rodrigo Pimpão); Paulo Sérgio (Gustavo Coutinho). Técnico: Ricardo Catalá


LONDRINA 0: César; Matheus Bianchi, Marcondes, Augusto e Eltinho (Felipe Vieira); João Paulo, Jean Henrique e Marcelo Freitas (Jhonny Lucas); Marcelinho (Luis Henrique), Zeca (Salatiel) e Roberto (Victor Daniel). Técnico: Márcio Fernandes


Estádio: Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR)


Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo