São Paulo - Sem o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, que abandonou, o inglês Lewis Hamilton, da McLaren, venceu o GP de Abu Dhabi, ontem, na penúltima etapa da F-1. Foi a terceira vitória de Hamilton neste ano e a 17 na carreira. Antes, ele foi o vencedor dos GPs da China e da Alemanha. A segunda posição ficou com o espanhol Fernando Alonso, da Ferrari.
Hamilton soma 227 pontos, mas já está fora da briga pelo vice. O inglês Jenson Button, também da McLaren, e terceiro em Abu Dhabi, continua favorito, com 255. Alonso tem 245 e Webber, quarto, tem 233.
Entre os brasileiros, Felipe Massa, da Ferrari, foi o melhor. Ele terminou a prova na quinta posição - pela quinta vez na temporada. Rubens Barrichello (Williams) foi o 12º e Bruno Senna (Renault) e o 16º.
Nico Rosberg (mercedes), Michael Schumacher (Mercedes), Adrian Sutil (Force India), Paul di Resta (Force India) e Makui Kobayashi (Sauber) completaram os dez primeiros. A última etapa da F-1 será disputada no Brasil, dia 27 de novembro.
Sebastian Vettel, pole position, teve um problema no pneu traseiro direito (que furou) logo na largada e saiu da pista. Com esforço, ele até levou o carro para o boxe, mas teve de abandonar a prova. Assim, Lewis Hamilton assumiu a primeira posição, seguido por Fernando Alonso e Jenson Button, respectivamente.
Sem o atual bicampeão competindo, o que se viu em Abu Dhabi foi uma disputa interessante e acirrada entre a dupla da McLaren -que já tinha dominado os treinos livres- e o espanhol da Ferrari. Essa disputa, contudo, não se manteve até o final. Durou apenas algumas voltas no início da prova.
Após as dez primeiras voltas -e até o fim da prova- Hamilton conseguiu abrir uma boa vantagem e não sentiu o primeiro posto ameaçado. Alonso também teve vida tranquila, com uma boa distância para Button.
O titular da McLaren, contudo, acusou problemas no carro perto da 15 volta. Mark Webber encostou e os dois passaram a duelar. Button perdeu a posição na primeira investida do rival, mas recuperou em seguida. A briga entre os dois esfriou porque pouco depois eles pararam nos boxes.
Button voltou melhor, mantendo a terceira posição, enquanto o australiano caiu para quinto. Felipe Massa ficou com o quarto lugar e passou a lutar pelo pódio. Os três garantiram os melhores momentos da metade final da corrida.
Perto do final, Webber ganhou a posição de Button e Massa. O brasileiro, que fazia uma boa prova, ainda perdeu alguns segundos após derrapar na 49 volta. Contudo, como ainda tinha uma parada pendente, o australiano ficou com a quarta posição, sendo ultrapassado por Button.

Imagem ilustrativa da imagem Lewis Hamilton vence penúltima corrida do ano