|
  • Bitcoin 108.350
  • Dólar 5,2512
  • Euro 5,5304
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 10/06/2022, 16:02

Leclerc supera Red Bulls e é o mais rápido do dia no Azerbaijão

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 10 de junho de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Charles Leclerc, da Ferrari, foi o mais rápido do dia, nesta sexta-feira (10), após o segundo treino livre do GP do Azerbaijão de Fórmula 1. O monegasco superou as duas Red Bulls na segunda sessão ao cravar 1min43s224 na melhor volta no Circuito Urbano de Baku.

No primeiro treino livre, Sergio Pérez, da Red Bull, liderou com 1min45s476, mas terminou em segundo na segunda sessão, seguido por seu companheiro de equipe, Max Verstappen. Lewis Hamilton, da Mercedes, foi apenas o 12º.

Na metade da sessão, Leclerc liderava, seguido por Verstappen, em tempos registrados ainda com pneus médios, enquanto outros pilotos já haviam mudado para os macios. O monegasco da Ferrari colocou pneus macios pouco depois e baixou ainda mais seu tempo, que não foi superado por nenhum outro piloto.

O segundo treino livre também teve leve batida de Alex Albon. O piloto da Williams se distraiu com o volante e acabou tocando o muro. Ele precisou ir para os boxes para avaliar o carro.

Os pilotos voltam à pista neste sábado, às 8h (de Brasília), para o terceiro treino livre do GP do Azerbaijão. Na sequência, haverá o treino que define o grid de largada.

PRIMEIRO TREINO

Liderada por Pérez, a primeira sessão ficou marcada pelo "pula-pula" dos carros em Baku. Muitos pilotos reclamaram dos pulos na pista e do vento. "Eu nunca senti tanto assim", disse Pierre Gasly, da AlphaTauri.

O primeiro treino livre também teve algumas bandeiras amarelas, mas sem acidentes. Na primeira, Mick Schumacher precisou parar sua Haas após um vazamento intenso de água.

Pouco depois, a Williams de Nicholas Latifi apagou, e o canadense parou o carro ao lado da pista, em nova bandeira amarela.

Já com o cronômetro zerado, Verstappen rodou, mas não chegou a bater, e reclamou no rádio com a Red Bull.