|
  • Bitcoin 125.982
  • Dólar 5,0721
  • Euro 5,1973
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 23/07/2022, 12:41

Justiça concede liberdade provisória a Renan mediante fiança de R$ 242 mil

PUBLICAÇÃO
sábado, 23 de julho de 2022

FLAVIO LATIF
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A justiça concedeu liberdade provisória ao zagueiro Renan, emprestado pelo Palmeiras ao Red Bull Bragantino, acusado de atropelar e matar o motociclista Eliezer Pena, na manhã de sexta-feira (22), em Bragança Paulista. A audiência de custódia aconteceu neste sábado (23) no Fórum de Bragança.

O atleta de 20 anos terá que pagar fiança de 200 salário mínimos (cerca de R$ 242 mil) e será obrigado a comparecer a todos os atos do processo —ele será liberado neste sábado, mas, se não pagar a fiança em 72 horas, terá a liberdade provisória revogada. O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP) confirmou a informação ao UOL Esporte.

Além disso, Renan está proibido de frequentar bares, prostíbulos e casas de shows e precisa entregar seu passaporte à Polícia Federal em 72 horas.

O zagueiro passou a noite detido na cadeia pública de Piracaia e participou da audiência de custódia por volta das 9h.

Ele foi autuado em flagrante por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, na direção de veículo sob influência de álcool e sem permissão de dirigir —o jogador tinha apenas a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) provisória e que estava suspensa.

O acidente aconteceu na manhã de sexta, por volta das 6h40 (de Brasília), na altura do quilômetro 47 da rodovia Alkindar Monteiro Junqyeira, em Bragança Paulista.

A reportagem confirmou que o defensor dirigia um Honda Civic quando invadiu a contramão e atingiu frontalmente uma motocicleta Honda CG 160. O acidente resultou na morte do motociclista. O jogador saiu ileso e se recusou a fazer o teste do bafômetro.

Renan foi contratado por empréstimo pelo Red Bull Bragantino em abril deste ano. O jogador estava no Palmeiras desde o sub-13 e subiu ao profissional em 2020. O zagueiro foi preterido pelo técnico Abel Ferreira na lista de inscritos do Palmeiras no Mundial de Clubes de 2021, quando a equipe foi derrotada na final para o Chelsea.

O contrato de empréstimo do zagueiro com o Red Bull Bragantino termina no fim da temporada. Ele tem vínculo com o Palmeiras até dezembro de 2025.

Tanto o Palmeiras quanto o RB Bragantino querem rescindir o contrato com o atleta.