|
  • Bitcoin 111.342
  • Dólar 5,2423
  • Euro 5,5322
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 16/05/2022, 17:06

Jogadores sem contrato são principais apostas do Atlético-MG para 2022

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 16 de maio de 2022

LOHANNA LIMA
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - Para reforçar o elenco em 2022, o Atlético-MG tem optado pela aposta em jogadores livres no mercado ou no monitoramento daqueles que, em breve, poderão assinar um pré-contrato. Dos quatro jogadores que chegaram ao elenco alvinegro na temporada, três estavam sem vínculos com outros clubes ou prestes a rescindir. Para o futuro, outros dois jogadores podem chegar nesta condição.

Um deles se trata do atacante argentino Christian Pavón. Apesar de Atlético e Boca Juniors não confirmarem, o jogador já possui um pré-contrato assinado com o time carioca. Ele fica livre no meio do ano, quando se apresentará ao clube alvinegro. Na semana passada, o nome do zagueiro Jemerson ganhou força nos bastidores do clube. O jogador está no mercado após rescindir com o Metz, da França.

As exceções ficam por conta de Junior Alonso e Fábio Gomes. O primeiro retornou ao Atlético-MG devido à guerra entre a Rússia e a Ucrânia, após ter sido vendido pelo clube alvinegro ao time russo do Krasnodar. Além dele, Gomes chegou ao Atlético, que tinha os direitos econômicos ligados ao Oeste-SP. Ademr, Otávio e Godín chegaram após terem seus vínculos encerrados.

O diretor de futebol do Atlético, Rodrigo Caetano, sempre evita falar sobre possíveis chegadas, principalmente em nomes. No entanto, questionado sobre a zaga, ele afirmou que o clube tem um olhar atento ao mercado, mas que, inicialmente, alguma possível contratação para o setor seria realizada apenas no ano que vem.

"Nós não temos controle de como será a situação do Alonso, que veio por uma grande oportunidade. A situação do Godín, que encerra no fim do ano também. Tem o Réver, que a gente controlou, pelo rendimento que ele tem e representa muito, provável que fique conosco. O Nathan vem jogando e é visto pelo mundo inteiro. Se tiver algum movimento é pensando nos próximos anos. Conseguimos trazer muita gente com contratos feitos no ano passado, Ademir e Otávio, por exemplo", explicou Caetano em coletiva na última semana.

Recentemente, o nome do zagueiro Igor Rabello esteve ligado ao São Paulo. No entanto, não houve uma proposta oficial ao Galo antes do encerramento da primeira janela nacional, que se fechou no último dia 12 de abril.