Jamaica tem as três mulheres mais rápidas do mundo nos 100 m


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Jamaica tomou o pódio da prova feminina dos 100 m rasos neste sábado (31), nos Jogos de Tóquio. Ao quebrar o recorde olímpico, com o tempo de 10s61, Elaine Thompson-Herah ficou com o ouro. A melhor marca em Olimpíadas até então, 10s62, da americana Florence Griffith Joyner, persistia desde 1988.

Atrás de Thompson-Herah na disputa que encerrou o dia do atletismo nos Jogos, Shelly-Ann Fraser-Pryce (10s74) ficou com a prata, e Shericka Jackson (10s76), com o bronze.

Agora, a medalhista de prata Shelly-Ann é a primeira velocista da história a subir no pódio dos 100 m em quatro Olimpíadas consecutivas, superando Usain Bolt, que tinha três. A jamaicana foi ouro em Pequim-2008 e Londres-2012, além de bronze no Rio-2016.

Como você avalia o conteúdo que acabou ler?

Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Assine e navegue sem anúncios [+]

Últimas notícias

Continue lendo