SANTOS, SP (UOL-FOLHAPRESS) - O coordenador esportivo Alexandre Gallo está otimista pela permanência no Santos em 2024.

Alexandre Gallo foi indicado por Marcelo Teixeira a Andres Rueda em uma reunião com o conselho consultivo do Santos.

Teixeira analisa o departamento de futebol e tem Gallo nos planos. Ele foi eleito presidente no último sábado.

A dúvida é se Alexandre Gallo continuaria sendo o chefe do departamento ou se viria outro profissional para o setor.

O técnico Marcelo Fernandes não está descartado. Se ele não continuar à frente do time, aceita voltar para a comissão técnica permanente como auxiliar.

Marcelo Teixeira admira o "sim" que Alexandre Gallo deu ao presidente Andres Rueda, que tem mandato até 31 de dezembro. Teixeira assume oficialmente em 1º de janeiro.

Gallo chegou já com o Santos na luta contra a Série B, com janela de transferências perto de fechar, e não evitou a queda.

Apesar do rebaixamento, Teixeira entende que o Santos precisa de profissionais identificados com o clube e que aceitem trabalhar neste momento difícil. Gallo, então, tem boa chance de ficar.