|
  • Bitcoin 144.629
  • Dólar 4,8801
  • Euro 5,1549
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 26/02/2022, 18:06

Gremistas se ferem após pedradas em ônibus; clube não quer jogar Gre-Nal

PUBLICAÇÃO
sábado, 26 de fevereiro de 2022

MARINHO SALDANHA
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

PORTO ALEGRE, RS (UOL-FOLHAPRESS) - O ônibus da delegação do Grêmio foi atingido por pedras na altura da avenida Edvaldo Pereira Paiva, na chegada ao Beira-Rio, para o Gre-Nal deste sábado (26), às 19h, pela nona rodada do Campeonato Gaúcho. Vários jogadores ficaram feridos e o volante Villasanti está em atendimento.

A janela do ônibus foi quebrada a pedradas e o volante Villasanti atingido pelos estilhaços. De acordo com relatos colhidos pela reportagem do UOL Esporte, o ataque ocorreu já nas cercanias e teria sido feito por torcedores do Inter. O paraguaio precisou ser encaminhado a um hospital com ferimentos graves no rosto, no pescoço e nas pernas. Outros jogadores também se machucaram.

Por isso, o Grêmio não quer jogar o clássico Gre-Nal. Pelo ocorrido, o clube se manifestou oficialmente para não atuar no duelo da nona rodada do Gauchão. "Em princípio, o Grêmio não joga. É uma pena. Tinha um grupo de torcedores do Inter prontos para atirar as pedras. Um jogador sai de ambulância. Isso não é futebol", disse o diretor de futebol Sergio Vasques.

No último confronto entre as equipes, em novembro, houve muita confusão após a vitória do Inter por 1 a 0. Patrick, que já deixou o Colorado, pegou caixões dos torcedores, em alusão ao mau momento do Tricolor, que foi rebaixado no último Brasileirão.

O Grêmio lidera o Estadual, com 17 pontos, enquanto o Colorado fecha ao G4 do torneio, com 12 pontos.,