|
  • Bitcoin 124.800
  • Dólar 5,1585
  • Euro 5,3214
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 27/06/2022, 16:56

Grêmio revê dúvida sobre esquema e esperança de Campaz como protagonista

PUBLICAÇÃO
segunda-feira, 27 de junho de 2022

MARINHO SALDANHA
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS) - O Grêmio mudou a partir da entrada de Jaminton Campaz. Foi o colombiano, colocado por Roger Machado no intervalo, que simbolizou o empate e a recuperação de um jogo bem abaixo do esperado contra o CSA, pela Série B, na última quinta-feira (23). A boa participação na partida revive a esperança do meia ser protagonista no clube. Ao mesmo tempo lança dúvidas sobre o esquema com três zagueiros. O Grêmio se prepara para entrar em campo novamente nesta terça-feira (28) contra o Londrina, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS), pela 15ª rodada da Série B.

Contratado no ano passado por aproximadamente R$ 21 milhões, o meia-atacante de 22 anos vive altos e baixos em sua trajetória na capital gaúcha. Ao todo foram cinco gols e duas assistências de Campaz em 41 jogos vestindo azul, branco e preto.

Entre idas e vindas no time titular e no banco de reservas, ele jamais atingiu o protagonismo imaginado em sua contratação. Até agora, quando a esperança volta à pauta gremista a partir da entrada no time.

Roger Machado, além de elogiar a movimentação do colombiano, cogita até repetir a dose e abrir mão da formação com três zagueiros desde que Campaz consiga repetir tal atuação. Ao mesmo tempo que recolocou o colombiano na rota do primeiro time, o jogo no estádio Rei Pelé também aumentou a incerteza sobre o esquema tático adotado. Sobram críticas ao modelo com três defensores.

"A variação depende do momento e do adversário. Foi uma circunstância do jogo, como usei em outros momentos. Ele [Campaz] foi muito bem, dinâmico, controlando o jogo tecnicamente, pisando na área, se movimentando pela esquerda e pelo meio. Gostei muito da forma com que nos comportamos. Pode ser mais utilizado, principalmente em jogos em casa, quando precisamos de um controle técnico da partida", afirmou Roger.

No elenco atual, na avaliação do técnico, Campaz é quem melhor pode executar a função de armador. Mesmo que ele demonstre sinais de que poderá deslanchar, o clube busca alternativas para a posição.

"Buscamos um articulador, que atue atrás do centroavante, que possa cadenciar o jogo, dar ritmo, pensar. O que o Zinho [ex-jogador] fazia e foi apelidado de forma pejorativa de enceradeira", disse Roger.

"No elenco atual, talvez o Campaz seja quem mais se assemelhe a este jogador. Eu o utilizei pelo lado, agora pelo meio, falei para ele que teria que alternar, horas de primeira, horas acelerar, segurar o jogo. Não se trata de gostar ou não, é a característica que procuramos. Conseguimos ter isso no jogo, sobretudo no segundo tempo", completou.

Para a partida desta terça-feira, Roger terá retornos importantes: o volante Villasanti e o zagueiro Rodrigues, que se recuperaram de sintomas gripais, o volante Thiago Santos, que estava afastado após sentir desconforto no joelho, e o atacante Ferreira, que se recuperava de cirurgia para correção de hérnia inguinal. Por outro lado, o goleiro Brenno segue se recuperando de lesão na panturrilha, segundo noticiou o jornal GZH.

Portanto, uma possível escalação do Grêmio tem: Gabriel Grando; Rodrigues (Campaz), Geromel e Bruno Alves; Rodrigo Ferreira (Nicolas), Villasanti, Bitello e Nicolas; Janderson, Biel e Diego Souza.

O Londrina, por sua vez, vem de vitória por 3 a 1 sobre o Guarani, e busca manter o bom momento para se aproximar do G4. O time ocupa a oitava posição, com 18 pontos em 13 rodadas -o jogo contra Chapecoense, válido pela décima rodada, foi adiado.

O técnico Adílson Batista poderá contar com o zagueiro Saimon e o volante Marcinho, que voltam de suspensão. Em compensação, o atacante Gabriel Santos sofreu um estiramento na coxa na última rodada, e é desfalque confirmado. Uma provável escalação do Londrina tem: Matheus Nogueira; Samuel Santos, Saimon, Vilar e Eltinho; João Paulo, Jhonny Lucas e Gegê; Matheus Lucas (Mirandinha), Caprini e Douglas Coutinho.

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Horário: Às 19h (de Brasília) desta terça-feira (28)

Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)

VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (VAR-Fifa/MG)

Transmissão: Premiere