|
  • Bitcoin 125.394
  • Dólar 5,1525
  • Euro 5,3161
Londrina

Na Guatemala

m de leitura Atualizado em 02/06/2021, 15:30

Ginasta londrinense é convocada para disputar o Pan-Americano de GR

Como preparação para a competição, Julia Kurunczi realizou treinamentos com a técnica búlgara Reny Karachomakova

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 02 de junho de 2021

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
AUTOR autor do artigo

menu flutuante

A ginasta londrinense Julia Kurunczi será uma das representantes do Brasil no Campeonato Pan-Americano Juvenil de GR (Ginástica Rítmica), que será realizado entre os dias 22 e 28 de junho, na Guatemala. A competição será classificatória para o Pan-Americano Júnior, em novembro, em Cali, na Colômbia.  

Julia Kurunczi ao lado das técnicas Reny Karachomakova e Dayane Camillo Julia Kurunczi ao lado das técnicas Reny Karachomakova e Dayane Camillo
Julia Kurunczi ao lado das técnicas Reny Karachomakova e Dayane Camillo |  Foto: Divulgação
 

Ginasta da ADR Unopar, Kurunczi já coleciona títulos e conquistas com a seleção brasileira. Foi terceira colocada no individual geral no Campeonato Sul-Americano, além do título por equipes e no aparelho corda. A londrinense participou também do Campeonato Mundial Juvenil. 

Como preparação para o Pan, Julia Kurunczi realizou um período de treinamento de 14 dias com a técnica búlgara Reny Karachomakova, em estágio organizado pela Federação Paranaense de Ginástica. No total, 12 ginastas e oito treinadores paranaenses participaram das atividades com a treinadora. 

“Pude aprimorar e melhorar minhas séries e a Reny trouxe a cultura da ginástica para nós, o que é muito importante”, explicou Julia, que tem como treinadora a ex-ginasta olímpica Dayane Camillo. "A oportunidade de trabalhar lado a lado com uma treinadora búlgara é excelente, pois podemos aprimorar os detalhes que farão a diferença na competição", frisou Camillo.

A presidente da Federação Paranaense, a londrinense Márcia Aversani, lembrou que todas as ginastas que participaram do estágio com a técnica búlgara foram convidadas levando em conta os resultados obtidos em competições estaduais, nacionais e internacionais. “A Bulgária é referência mundial na ginástica rítmica e a treinadora ministra cursos por inúmeros países”, comentou Aversani. 

Das 14 ginastas convocadas pela seleção brasileira para o Pan-Americano, nove são de clubes paranaenses. A equipe do Brasil é comandada também pela técnica da ADR Unopar, Juliana Coradine. A Seleção treina para a competição em Aracaju, sede da Confederação Brasileira de Ginástica. 

Receba nossas notícias direto no seu celular, envie, também, suas fotos para a seção 'A cidade fala'. Adicione o WhatsApp da FOLHA por meio do número (43) 99869-0068 ou pelo link