Santos, 1 (AE) - O Santos confirma, entre amanhã e segunda, a contratação do zagueiro argentino Galván, um dos destaques do Atlético Mineiro no Campeonato Brasileiro de 99. Com os reforços do central e do lateral-esquerdo Rubens Cardoso, comprado do Guarani, e a provável reintegração de Anderson (o São Paulo não concorda em pagar US$ 1,5 milhão pelo seu passe), o Santos completará a sua defesa.
Na impossibilidade de conseguir recontratar Argel, atualmente no FC Porto, de Portugal, o novo presidente santista, Marcelo Teixeira, e seus assessores chegaram à conclusão de que Galván tem o perfil para ser o líder da defesa do time competitivo que Carlos Alberto Silva promete montar para o Campeonato Paulista de 2000. O passe custará cerca de US$ 1,8 milhão.
É provável que ao tomar posse como novo presidente, na noite de terça-feira, Teixeira anuncie também a contratação de um jogador experiente para o meio-de-campo, cujo nome vem sendo mantido em sigilo. Até a estréia do time no Torneio Rio-São Paulo, em 22 de janeiro, contra o Botafogo do Rio, na Vila Belmiro, o Santos pode concluir as negociações para as contratações de Carlos Germano, Ramón e Viola.
Os jogadores do Santos reapresentam-se na manhã de segunda-feira no CT Rei Pelé e em seguida viajam para Atibaia, onde será realizada a pré-temporada. A princípio, Anderson, Baiano, Caio e Dutra estão nos planos de Carlos Alberto Silva, mas poderão ter os passes vendidos ou serem envolvidos em trocas.