|
  • Bitcoin 122.282
  • Dólar 5,0950
  • Euro 5,2484
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 20/07/2022, 12:21

Gallardo deixa futuro em aberto e diz que sua permanência no River incomoda

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 20 de julho de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O técnico Marcelo Gallardo, que colecionou títulos com o River Plate nos últimos anos, chamou a atenção por suas falas sobre o seu futuro, na terça (19), em uma coletiva de imprensa do clube argentino.

"Estou convencido de onde devo ir nos maus momentos. Esta é a mensagem que quero transmitir a vocês [jornalistas] e aos torcedores. E se não pudermos brigar pelo título [do Campeonato Argentino], vou deixar a melhor equipe possível para quando se volte a ter algo sólido", afirmou Gallardo.

O River vive péssimo momento no Campeonato Argentino e ocupa a 17ª posição. Em oito partidas disputadas só venceu duas, empatou três e perdeu três.

Além disso, foi eliminado nas oitavas de final da Copa Libertadores para o Vélez Sársfield no início do mês.

Após sua primeira declaração, Gallardo falou que sua presença no comando da equipe incomoda mas estará fazendo seu trabalho até o última dia de contrato — que se encerra em dezembro.

"Essa é uma pergunta que não é para agora. Esta é minha projeção. É o que falei: vou me ocupar nestes três meses e trabalhar no que falei anteriormente. Entendo que minha permanência incomode, mesmo quando os resultados não vêm", disse.

"Vou estar até o último dia do meu contrato sempre com a cabeça preparada para dar melhores soluções ao time. Se isso for suficiente para brigar pelo título, bom. Se não, preciso gerar uma estrutura que a médio prazo sirva à instituição", acrescentou.

Em busca de recuperação no Campeonato Argentino, o River volta a campo nesta quinta (21), às 21h30 (de Brasília), contra o Gimnasia, no estádio Monumental de Núñez.