Estrelas fazem o jogo-despedida de Ana Moser19/Mar, 17:33 São Paulo, 19 (AE) - Num jogo em que a emoção superou em muito a competitividade, a atacante Ana Moser, uma das melhores jogadoras do País e do mundo, despediu-se oficialmente das quadras numa homenagem prestada hoje pela Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), no Ginásio Lauro Gomes, em São Caetano. O time das "Amigas de Ana Moser", base da seleção brasileira, derrotou a equipe das "Estrelas da Superliga" por 3 a 1 (25/22, 23/25, 31/29 e 25/22), em 1h39. "Fizeram uma grande festa para a minha despedida, mas a festa, na verdade, foi para o vôlei", disse a jogadora, de 31 anos, que abandonou o esporte por causa de dores no joelho esquerdo. "Estou superfeliz com a homenagem", prosseguiu. "Vou guardar para sempre em minha memória e um dia vou contar para os meus netos." Vice-campeã mundial em 1994, bronze na Olimpíada de Atlanta e campeã mundial juvenil em 1987, Ana Moser não conseguiu evitar as lágrimas, assim como Leila e Virna, suas companheiras de seleção. "Sinto-me orgulhosa por ter feito parte de uma geração que levou o Brasil ao topo do vôlei feminino mundial", comentou a atleta, que recebeu um troféu da CBV, entre outros presentes. "Ajudei na formação de algumas jogadoras mas o sucesso que conseguiram deve-se simplesmente ao esforço e ao suor de cada uma." Fora das quadras, Ana Moser deve continuar trabalhando no vôlei. Tem projetos desde trabalhar na iniciação esportiva até convites para integrar a comissão técnica da seleção brasileira. Muitas das jogadoras que participaram da festa vão defender suas equipes nas semifinais da Superliga. O Rexona enfrentará o Pinheiros, enquanto o BCN jogará com o MRV. Pela Superliga Masculina, a Unisul derrotou a Ulbra por 3 a 1 (21/25, 32/30, 25/20 e 25/19), em Canoas, e assegurou o segundo lugar e a vaga antecipada para as semifinais. GÍLSON - O Suntory, do atacante Gílson, conquistou hoje o título da Liga Japonesa. Gílson foi eleito o melhor jogador do torneio, ganhando prêmios também como melhor saque e ataque, além de maior pontuador.