|
  • Bitcoin 125.940
  • Dólar 5,0741
  • Euro 5,2058
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 27/07/2022, 19:51

ESPN altera cobertura da Copa do Brasil após CBF mudar regra de transmissão

PUBLICAÇÃO
quarta-feira, 27 de julho de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A ESPN mudou sua estratégia para pré e pós-jogo das quartas de final da Copa do Brasil após a CBF alterar, a pedido da Globo, a regra de transmissão em suas competições. A emissora carioca fez a solicitação por entender que seus contratos de direitos com os clubes estavam sendo desrespeitados por programas de concorrentes.

O canal esportivo da Disney tinha programado fazer entradas ao vivo no decorrer de sua programação, para mostrar, ao vivo, as chegadas das delegações, zonas mistas e coletivas. A mudança no regulamento, porém, obriga a ESPN a exibir apenas material gravado, privilegiando assim as detentoras dos direitos televisivos.

Diante deste impasse, a ESPN planeja gravar as coletivas e exibi-las somente após o fim das mesmas. Outra solução estudada pela emissora — e que deve ser utilizada — é aproveitar as transmissões dos canais oficiais dos clubes. Isso porque, além das detentoras de direitos televisivos, os canais oficiais dos times têm permissão para o ao vivo.

De acordo com o V parágrafo do tópico "Jornais, sites, produtores de conteúdo, assessores e TVs não detentoras" do "Novo Protocolo de Imprensa da CBF", "as entradas ao vivo de emissoras de TV dentro do estádio (em qualquer dependência, incluindo sala de coletiva de imprensa e zona mista) estão permitidas apenas às detentoras de direitos de transmissão da referida competição. Os perfis oficiais dos clubes envolvidos na partida também estão autorizados".

Em contrapartida, "as rádios e canais digitais que realizam a transmissão da partida em áudio podem exibir imagens ao vivo apenas com a câmera direcionada aos narradores desde que estes não estejam com o gramado ao fundo (não estão autorizadas tomadas de torcida, comemorações ou de qualquer fato ocorrido no campo, antes, durante e depois do jogo)".

A nova diretriz se assemelha ao que acontece em competições internacionais. A Conmebol, por exemplo, não permite que emissoras não detentoras de direitos façam transmissões ao vivo de dentro do estádio antes e depois dos jogos. O mesmo ocorre na Copa do Mundo, organizada pela Fifa.

A medida começa a valer nesta quarta-feira (27), com os primeiros jogos da ida das quartas de final da Copa do Brasil, entre Atlético-GO e Corinthians e Flamengo e Athletico-PR. Ambas as partidas serão às 21h30 (de Brasília).