|
  • Bitcoin 157.822
  • Dólar 5,0617
  • Euro 5,2640
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 24/02/2022, 17:23

'Espero que morra dolorosamente', diz jogador do Manchester City sobre Putin

PUBLICAÇÃO
quinta-feira, 24 de fevereiro de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Oleksandr Zinchenko, jogador ucraniano do Manchester City, usou suas redes sociais para desejar a morte de Vladimir Putin, presidente da Rússia, durante a escalada de tensão e a primeira ofensiva russa na Ucrânia, na madrugada desta quinta-feira (24)

"Espero que você morra da maneira mais dolorosa, monstro", escreveu ele junto com uma foto de Putin.

Segundo informações do jornal Diario AS, a publicação foi removida pelo Instagram por violar suas regras, e Zinchenko comentou que isso estava acontecendo devido a um "movimento internacional de censura contra a Ucrânia".

Depois disso, o jogador compartilhou uma arte da silhueta do seu país num campo de trigo com vários monumentos espalhados pelo território, acompanhada de uma nova mensagem, mas desta vez sem menção a Putin.

"Todo o mundo civilizado está preocupado com a situação do meu país. Não posso ficar de fora e tentar transmitir minha opinião. Na foto - meu país. O país onde nasci e cresci. Um país cujas cores defendo no cenário esportivo internacional. Um país que tentamos glorificar e desenvolver. Um país cujas fronteiras devem permanecer invioláveis. Meu país pertence aos ucranianos e ninguém jamais poderá se apropriar dele. Não vamos desistir! Glória à Ucrânia", escreveu.

A invasão russa à Ucrânia começou nesta quinta foi batizada por Putin como uma "operação militar especial" para proteger as pessoas "de abuso e genocídio", além de "desmilitarizar e desnazificar a Ucrânia". O governo de Kiev mantém a posição de que é uma tentativa de invasão "em larga escala".