Os pilotos brasileiros que planejam correr no exterior a partir do próximo ano já têm duas novas opções de categorias para competir. O empresário italiano Luciano Traini, dono da equipe First Grand Prix, está no País em busca de quatro jovens talentos para ocupar o cockpit de seus carros nas Fórmulas Renault e 3000 italianas. ‘‘Temos dois mecânicos brasileiros no nosso staff, e no ano que vem serão três. Isso facilita a comunicação com o piloto e o acerto do carro’’, declarou Traini. A temporada completa na F-Renault sai por US$ 200 mil, e na F-3000, por US$ 300 mil. Mais informações podem ser obtidas no site www.trainicorse.com. No Brasil os contatos podem ser feitos pelo telefone (11) 3842-9113, ou pelo e-mail [email protected].