|
  • Bitcoin 150.000
  • Dólar 4,9391
  • Euro 5,2057
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 18/03/2022, 18:01

Entre classificação e rebaixamento inédito, Santos define destino no Campeonato Paulista neste sábado (19)

PUBLICAÇÃO
sexta-feira, 18 de março de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Após o empate por 3 a 3 com a Ferroviária, fora de casa, o Santos definirá sua situação no Campeonato Paulista na última partida da fase de grupos contra o Água Santa, neste sábado (19), a partir das 16h, na Vila Belmiro. Com 11 pontos conquistados em 11 jogos, o time da baixada paulista ainda tem chance de se classificar para o mata-mata do torneio no Grupo D, mas também corre risco de um rebaixamento inédito.

No Campeonato Paulista, as duas equipes que menos pontuam no final da fase de grupos caem para a série A2 do Estadual, independentemente do grupo em que disputaram o torneio. Na atual edição, o Novorizontino já está matematicamente rebaixado, com apenas três pontos conquistados.

Ponte Preta (8), Água Santa (11), Ferroviária (11) e Santos (11) brigam para escapar da segunda vaga.

Caso o Santos vença o Água Santa, adversário direto na briga contra o rebaixamento com a mesma pontuação, o clube se livrará da queda e não precisará contar com outros resultados.

Além disso, o time liderado por Fabián Bustos poderá ainda se classificar para o mata-mata caso o Santo André, com 12 pontos, também do Grupo D, não vença, em casa, a Inter de Limeira.

Se o Santos apenas empatar com o Água Santa, na Vila, a equipe também estará livre do rebaixamento. Isso porque a Ponte Preta, com 8 pontos, não conseguirá atingir os 12 que o Santos somará mesmo em caso de vitória na sua partida, em casa, contra o Ituano.

Assim, a equipe da Baixada Santista nem precisará se importar com critérios de desempate nem com o resultado do jogo da Ferroviária, o outro adversário na briga contra a queda.

Nesse cenário, o Santos só conseguirá se classificar para a próxima fase do Estadual se o Santo André for derrotado, em casa, para a Inter de Limeira, por três ou mais gols. Com essa possibilidade, ambas as equipes do Grupo D terminariam com 12 pontos e empatariam também no critério de vitórias, com duas.

Só que o elenco santista pode se dar melhor nos outros critérios de desempate. Atualmente, a equipe do ABC paulista está com saldo de-1, enquanto o Santos está com -4. Se Santo André for derrotado por três gols de diferença, acabará empatando no saldo com o time da Baixada Santista (que manterá o número em caso de empate).

Assim, o critério seguinte (quantidade de tentos anotados) pode pender para o lado do Santos, que já balançou as redes adversárias 13 vezes no torneio, diante dos nove gols do Santo André. Caso o time do ABC paulista seja goleado pela Inter de Limeira por quatro ou mais gols, o Santos avançará de fase por ter um saldo melhor.

Caso o Santos perca o confronto para o adversário direto Água Santa e termine com os atuais 11 pontos, o clube dependerá do resultado da partida da Ponte Preta, em casa, contra o Ituano, para se salvar. Caso a equipe de Campinas vença, igualará a pontuação do Santos, mas ficará à frente por somar mais vitórias.

Assim, o Santos só conseguirá se livrar da queda se a Ferroviária for derrotada por um placar mais elástico ou marque menos gols do que o elenco de Bustos no último jogo. Atualmente, tanto o Santos quanto a Ferroviária possuem os mesmos números na ordem de critérios de desempate: 11 pontos, com duas vitórias, saldo negativo de quatro negativos e 13 gols marcados.

Nessa situação, caso a Ferroviária perca por um placar que faça com que seu saldo termine pior ou não marque mais do que o Peixe na partida derradeira, o Santos se livraria da queda. Se o saldo terminar igual e o número de tentos anotados também, como está hoje, o quarto critério de desempate, que é o número de cartões vermelhos recebidos, será acionado.

De acordo com dados do SofaScore, a Ferroviária soma apenas um cartão vermelho no torneio, enquanto o Peixe soma dois. Se essa diferença não for alterada na última rodada, o Santos terminará atrás na classificação geral por ter recebido um cartão vermelho a mais e amargurará o seu primeiro rebaixamento na história.

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Horário: Às 16h (de Brasília) deste sábado (19)

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo

VAR: Jose Claudio Rocha Filho

Transmissão: Estádio TNT Sports e HBO Max