|
  • Bitcoin 99.577
  • Dólar 5,1827
  • Euro 5,4107
Londrina

Esporte

m de leitura Atualizado em 29/05/2022, 20:21

Em jogo de chances perdidas, Athletico-PR bate Cuiabá na Arena Pantanal

PUBLICAÇÃO
domingo, 29 de maio de 2022


AUTOR autor do artigo

menu flutuante

MACEIÓ, AL (UOL/FOLHAPRESS) - Depois de muitas tentativas ao longo dos 90 minutos, o Athletico-PR conseguiu passar pelo goleiro Walter e vencer o Cuiabá por 1 a 0, neste domingo (29), em partida válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Pantanal, no Mato Grosso. Vitor Roque marcou o gol da vitória.

O resultado faz o time paranaense saltar para a sexta posição da tabela, com 12 pontos, enquanto o clube auriverde permanece na 16ª posição, flertando com o rebaixamento, com apenas oito pontos somados. O próximo desafio do Cuiabá será contra o América-MG, sábado (4), às 16h30 (de Brasília). Já o Athletico-PR encara o Santos no mesmo dia, mas às 19h, ambos pelo Campeonato Brasileiro.

Não teve para ninguém e a dupla de zagueiros Pedro Henrique e Nicolás Hernández foi responsável por impedir qualquer tentativa do Cuiabá de tentar conquistar uma vitória dentro de casa. Juntos bloquearam, interceptaram e venceram duelos aéreos, anulando completamente o ataque montado pelo técnico Luiz Fernando Iubel.

O atacante Jenison, do Cuiabá, deixou a desejar ao não conseguir mostrar sua arte e nem ao menos ser acionado por Alesson e Valdívia. Somados a isso, não conseguiu furar o bloqueio montado pelo setor defensivo em nenhuma oportunidade e acabou sendo substituído, dando lugar ao meia Everton.

O Cuiabá conseguiu manter a posse de bola em boa parte da primeira e da segunda etapa, mas sem oferecer real perigo ao Athletico-PR. Valdivia e Alesson foram os mais acionados pelo lado auriverde , mas o meia e o atacante não conseguiam acionar Jenison para abrir o marcador.

O Athletico-PR teve tranquilidade defensiva e pôde sair para o ataque, estando mais perto do gol a maior parte dos dois tempos, exigindo boas defesas de Walter, grande responsável para que a igualdade fosse mantida no placar até os 39 do segundo tempo.

Depois de muitas tentativas, a contratação mais cara da história do Athletico-PR (R$ 24 milhões), Vitor Roque resolveu o jogo. Depois de receber um cruzamento de Abner na área, dominar e brigar com três marcadores, apenas chutou para abrir o placar na Arena Pantanal.

CUIABÁ

Walter, Daniel Guedes, Alan Empereur, Marllon, Uendel, Rivas (Camilo), Pepê, Valdívia (Marquinhos), Alesson (André Luís), Jenison e Felipe Marques (Rodriguinho). T.: Luiz Fernando Iubel.

ATHLETICO-PR

Bento, Khellven, Pedro Henrique, Nicolás Hernández, Abner Vinícius, Erick, Matheus Fernandes, Terans (Léo Cittadini), Pedro Rocha, Pablo e Cuello (Vitor Roque). T.: Luís Castro.

Estádio: Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (Fifa/RJ)

Auxiliares: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Luiz Claudio Regozone (RJ)

Cartões amarelos: Alesson, Felipe Marques, Rivas, Valdívia e Daniel Guedes(CUI).

Gols: Vitor Roque (ATH), aos 39'/2ºT