São Paulo, 26 (AE) - O atacante Edílson, do Corinthians, recebeu com surpresa a sua convocação para a Seleção Brasileira que joga contra a Colômbia na terça-feira pelas eliminatórias da Copa do Mundo. Agora pouco, na reapresentação no Aeroporto do Galeão, ele não escondeu a emoção. "Foi em cima da hora, mas estou feliz". O jogador garantiu que esperava voltar a Seleção depois de ter sido cortado da equipe no ano passado por motivo de indisciplina. "Trabalhei com o Wanderley e sei que ele não guarda mágoas de acontecimentos passados", afirmou. "Além disso todos os problemas que tive com ele já foram superados".